InternetData CenterAssinante

'Não tem previsão', comenta caminhoneiro que aguarda na fila

Condutor aguarda há quase 48 horas no congestionamento em Palhoça
'Não tem previsão', comenta caminhoneiro que aguarda na fila
Foto: Divulgação/Marcelo De Menech
Por Jessica Rosso Crepaldi Em 15/04/2024 às 16:53

Marcelo De Menech de 48 anos é um dos motoristas que enfrenta o congestionamento da BR-101, em Palhoça. Ele estava vindo de caminhão de Minas Gerais para descarregar em Criciúma, quando se deparou com a fila que se formava no sábado, dia 13, à noite, por volta das 23 horas. Desde então ele aguarda pela liberação da pista. Nesta segunda-feira, dia 15, ele comentou que presenciou as pessoas recebendo água e alimentos, e que tem uma reserva para consumir no veículo. O auxílio é feito pela Polícia Rodoviária Federal (PRF). De Menech trabalha para uma empresa de Siderópolis. 

Ele falou também sobre a expectativa de seguir com a viagem. "Não sei quando vai liberar, perguntei para os policiais federais, mas eles disseram que não tem previsão", afirmou. Desde a noite de sábado, a BR-101 está bloqueada no Morro dos Cavalos (km 233) devido a queda de barreira e afundamento de pista. Duas barreiras foram implantadas de modo preventivo, nos km 229 (sentido Porto Alegre) e km 236 (sentido Florianópolis).