InternetData CenterAssinante

Plataforma para maior controle de medicamentos será implementada pelo Estado

Projeto é da Secretaria de Estado da Saúde (SES)
Plataforma para maior controle de medicamentos será implementada pelo Estado
Foto: Reprodução/Secom
Por Redação Engeplus Em 23/05/2021 às 13:34

O Governo do Estado está implementando a Plataforma Conecta Saúde módulo Judicial em mais de 100 municípios de Santa Catarina. A ferramenta permite maior controle dos medicamentos de demandas judiciais, distribuídos pelo estado, além de gerar economia aos cofres públicos.

O projeto é da Secretaria de Estado da Saúde (SES), por meio da Diretoria de Tecnologia de Informação e Governança. Este é o primeiro de diversos módulos de gestão que será lançado pela SES, com tecnologia de desenvolvimento de ponta e de fácil uso, que permitirá a eliminação de diversos sistemas obsoletos.

A plataforma é capaz de rastrear a rota dos medicamentos desde sua origem no sistema até seu destino, ou seja, desde a entrada no estoque, passando pelo cadastro dos pacientes, processos, prescrições dadas pelos médicos, distribuição e geração de mapas. O sistema controla todo o percurso do medicamento até a dispensação ao paciente. Além disso, possui integração com outros sistemas de gestão e controle da SES.

“Esta é uma entrega de grande valor para o Governo do Estado, pois temos uma estimativa de gerar uma economia de mais de R$ 40 milhões em aquisições de medicamentos judiciais por ano. Ou seja, R$ 120 milhões em três anos, é uma economia viável porque permite maior controle dos medicamentos distribuídos por demandas judiciais ”, afirma o secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro.

Com medidas de gestão e controle, como revisão de contratos e corte de custos, o governo Carlos Moisés já economizou R$ 616 de 2019 até o final de 2021. “Esta é a primeira de um conjunto de entregas da SES para tecnologia e inovação na Saúde”, completa Bianca Vieira, diretora de Tecnologia da Informação e Governança Eletrônica da Secretaria de Estado da Saúde.

Leia mais sobre: