InternetData CenterAssinante

Movimento pró-Eduardo busca apoio de Udo

Movimento pró-Eduardo busca apoio de Udo
Foto: Divulgação
Por Denis Luciano Em 24/10/2017 às 13:15

O prefeito de Içara, Murialdo Gastaldon, vem assumindo a proa de um movimento que visa projetar o nome do vice Eduardo Pinho Moreira como candidato ao governo do Estado pelo PMDB em 2018. Para fomentar a mobilização, Gastaldon estará em Joinville nesta quarta-feira para uma reunião com o prefeito Udo Döhler.

“O prefeito Udo comanda a maior cidade do Estado e o apoio dele é muito importante”, afirma Gastaldon. O argumento será o da necessidade do desenvolvimento integrado para todas as regiões. “O Sul não vai bem. De janeiro a setembro deste ano, em comparação com o mesmo período do ano passado, cresceu apenas 0,2%, enquanto o resto do Estado cresceu 5 a 6%. É a vez do Sul”, sinaliza.

O prefeito lembra que será fundamental, para o próximo governador, levar adiante uma plataforma de desenvolvimento para todas as regiões, em conjunto. “Não adianta o Norte e o Vale do Itajaí crescerem muito e isso não se reproduzir em outras partes de Santa Catarina, e o Eduardo pode liderar essa nova fase”, afirma. “Mas isso não é um embate entre regiões”, lembra o chefe do Executivo içarense, que já promoveu reuniões na região com colegas prefeitos e outras lideranças para inflar o apoio ao vice.

Gastaldon ressalta que as obras de infraestrutura que a região vem recebendo ainda não são capazes de trazer um salto econômico. “Como a Via Rápida, ela vai levar um tempo para maturar e gerar desenvolvimento econômico”, pondera. “Vamos insistir com o prefeito Udo da importância de o Eduardo assumir o governo no ano que vem e, estando no mandato, ser o candidato do PMDB com viabilidade para vencer”, comenta.

Eduardo Moreira deverá ser o governador a partir de abril do ano que vem, quando Raimundo Colombo (PSD) pretende renunciar para concorrer a uma cadeira no Senado. Até então, o PMDB vem projetando, com o aval do próprio vice-governador, o nome do deputado federal Mauro Mariani para disputar a sucessão de Colombo. “O PMDB está repleto de bons nomes para disputar o governo do Estado. Nós vamos fazer a defesa da candidatura do sul, que nunca teve governador”, completa Gastaldon.

Pesquisa aponta Amin na frente

O instituto Paraná Pesquisas divulgou na última sexta-feira resultado de pesquisa de intenção de voto ao governo catarinense realizada entre os dias 12 e 16 de outubro entrevistando 1.554 eleitores em 64 cidades. O levantamento apontou a liderança do deputado federal Esperidião Amin (PP) com 30%. O senadorPaulo Bauer (PSDB) aparece em segundo lugar, com 20,3%. Mauro Mariani (PMDB) alcançou 9,9%, Décio Lima (PT) teve 8,5%, Jorginho Mello (PR) alcançou 5,1% e Gelson Merísio (PSD) chegou a 4,5%. A pesquisa tem margem de erro de 2,5% e grau de confiança de 95%.