InternetData CenterAssinante

Criciúma vai ganhar novo posto de atendimento para confecção da carteira de identidade

Local será aberto na rua Coberta, no Centro do município
Criciúma vai ganhar novo posto de atendimento para confecção da carteira de identidade
Foto: Tiago Ghizoni/Secom
Por Thiago Hockmüller Em 08/07/2024 às 12:34

Criciúma terá um novo posto de atendimento para confecção de carteira de identidade. O processo está em fase de aquisição de equipamentos e ainda não há prazo definido para inauguração do espaço, que vai funcionar em uma sala na Rua Coberta Giro Henrique Lodetti, no Centro do município. 

O novo posto de atendimento é fruto de um convênio assinado entre a Polícia Científica e a Prefeitura de Criciúma. A expectativa é que o espaço emita cerca de 1.000 documentos por mês, contribuindo para superar a demanda reprimida gerada desde a época da pandemia da Covid-19. “É um local de fácil acesso para a população e para nós será ótimo. As atendentes selecionadas já estão em treinamento e falta finalizar a parte logística de equipamentos”, afirma o perito-superintendente da Polícia Científica, Jones Cambruzzi Pereira.

Alta demanda

A importância de um novo posto de atendimento está nos números. Mesmo não figurando entre as cinco cidades mais populosas do estado, conforme dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Criciúma é a terceira que mais emite carteira de identidade em Santa Catarina. Por isso, Cambruzzi comemora a parceria com a prefeitura, como já existe nas outras cidades da Associações dos Municípios da Região Carbonífera (Amrec). A exceção é Balneário Rincão. 

“Desde que entrei na superintendência em Criciúma, um dos meus objetivos era fazer um convênio com a prefeitura nos moldes do que temos nas outras cidades das Amrec. Vale ressaltar que o posto do Shopping Della não será fechado, só que agora, com o novo posto, teremos mais guichês e vagas para que a gente consiga atender melhor”, explica. 


Com novo posto, Criciúma terá capacidade para cerca de 3,5 mil atendimentos/mês.

Criciúma só emite menos documentos que a capital Florianópolis e Joinville, o município mais populoso do estado com mais de 615 mil habitantes. “A população de Criciúma procura e não encontra vaga. Entendemos essa demanda reprimida que temos desde a época da pandemia. Com esse posto em parceria com a prefeitura, mais o próprio que temos, venceremos essa demanda. E quando a população procurar esse serviço vai conseguir vaga mais rapidamente. Agradecemos o prefeito Clésio Salvaro e o secretário-geral Tiago Pavan por terem aceitado esse desafio de desenvolver e criar esse posto de atendimento”, pondera.

Sobre a parceria

O convênio firmado entre a Polícia Científica e a Prefeitura de Criciúma estabelece que caberá ao Município oferecer o local, os equipamentos e os funcionários. No dia de 27 de junho, a prefeitura publicou o edital para aquisição dos equipamentos, como webcam, leitor biométrico e scanner de mesa. Cabe à Polícia Científica o treinamento dos atendentes e a revisão e supervisão de todo o trabalho que será realizado.

A estimativa é que, somados os dois postos, Criciúma tenha capacidade para gerar cerca de 3,5 mil atendimentos/mês. O agendamento para confecção da carteira de identidade pode ser feito clicando aqui.