InternetData CenterAssinante

Professores da UniSatc são finalistas no Prêmio de Inovação Catarinense da Fapesc

Diego Piovesan e Pâmela Cabreira representam o Centro Universitário na premiação
Professores da UniSatc são finalistas no Prêmio de Inovação Catarinense da Fapesc
Foto: Divulgação
Por Redação Engeplus Em 14/05/2022 às 20:33

Dois professores do Centro Universitário Satc (UniSatc) são finalistas no Prêmio de Inovação Catarinense da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação de Santa Catarina (Fapesc). Diego Piovesan e Pâmela Milak Cabreira receberam destaque por projetos desenvolvidos em sala de aula nas disciplinas que lecionam. A data da cerimônia que vai divulgar o 1º, 2º e 3º lugares será definida pela diretoria da Fapesc. 

Os docentes estão concorrendo, individualmente, na categoria ‘Professor Inovador’. Piovesan inscreveu projetos relacionados às ferramentas usadas em sala de aula para gerar autonomia criativa nos alunos. “São projetos que desenvolvi nas disciplinas de Criatividade e Inovação, Gamificação e Design de Serviço, dentro de diversos tópicos dos cursos de Design, Publicidade e Propaganda, Jornalismo e Administração”, destacou. 

Já Pâmela é finalista por atividades na disciplina de Resistências Materiais, nos cursos de Engenharia da UniSatc. “O intuito das ações foi promover novas experiências aos acadêmicos e motivação para eles aprenderem de maneira ativa. Agregando, além de conhecimento profissional da disciplina, uma visão em 360 graus do novo modelo de inovação que desperta para o ecossistema de empreendedorismo que Santa Catarina vem desenvolvendo nos últimos anos”, detalhou a professora. 

Para o pró-reitor de Ensino e Extensão da UniSatc, Jovani Castelan, essa classificação para a fase final representa todo o trabalho que é feito pelo Centro Universitário em conjunto com o Centro Tecnológico da Satc (CTSatc). “Essa conquista ressalta a sinergia que existe entre a área de pesquisa e acadêmica da UniSatc, enaltecendo as competências e diferenciais dos nossos professores, que não ficam só em sala de aula, mas também agem fora dela, obtendo resultados expressivos como esse”, afirmou.