InternetData CenterAssinante

Grupo teatral de Joaçaba se apresenta em Criciúma nesta sexta-feira

Espetáculo “Sagrado” aborda cultura popular brasileira e religiões de matriz africana
Grupo teatral de Joaçaba se apresenta em Criciúma nesta sexta-feira
Foto: Sabrina Marthendal/Assessoria de Imprensa
Por Redação Engeplus Em 15/04/2024 às 15:24

O grupo teatral Reminiscências apresenta nesta sexta-feira, dia 19, em Criciúma, o espetáculo “Sagrado”. A peça aborda a cultura popular brasileira e as religiões de matriz africana, assim como o tema intolerância religiosa. O evento, que é gratuito e para maiores de 16 anos, ocorre a partir das 20 horas, na sede do Teatro do Revirado, na rua Maria Quitéria, número 36, no bairro Nossa Senhora da Salete. Os ingressos para a peça podem ser retirados no local 30 minutos antes da apresentação, que será acessível em Língua Brasileira de Sinais (Libras).

“Sagrado” traz para o palco o trabalho de atuação solo do ator João Tomaz Santos, partindo de sua vivência no terreiro. Adepto do Batuque e da Umbanda, o artista traz para o espetáculo a fé, a dança, os cantos, os ritos e, sobretudo, as memórias como forma de expressão da religiosidade  constantemente ameaçada. O projeto propõe, para os que conhecem e simpatizam com a religião, um vínculo afetivo do público com a cena, e uma aproximação com aqueles que ainda não conhecem os elementos e fundamentos das religiões africanas.

Para o ator, devido a temática do espetáculo, principalmente quanto à função e objetivo da proposta cultural, essa circulação carrega uma grande importância social na busca pelo combate à intolerância afro-religiosa. “Acredito ser fundamental que haja trabalhos artísticos no Estado que busquem em suas dramaturgias questionar e repudiar todo tipo de violência e preconceito, haja vista que somos um estado com altos índices de diversos tipos de violência, no qual essa peça busca questionar. Muitas vezes esse pé atrás, os questionamentos e proposições acerca das religiões de matriz africana, se fazem justamente pela falta de conhecimento e entendimento. Propomos então essa aproximação cultural a partir do teatro”, explica João.

O Projeto é contemplado pelo Edital Elisabete Anderle 2023, através da Fundação Catarinense de Cultura. “Sagrado” conta com a direção de Pepe Sedrez, da Cia Carona de Teatro, de Blumenau, tem duração de 50 minutos e traz para o público uma obra artística que transita entre a performance, o teatro político-ritual-documental, a dança e principalmente prima pelo encontro como uma forma transformação.

Colaboração: Camila Almeida/Assessoria de Imprensa