InternetData CenterAssinante

Oficinas de bordado ao ar livre serão realizadas em praças públicas

As oficinas serão realizadas nas cidades de Criciúma e Laguna
Oficinas de bordado ao ar livre serão realizadas em praças públicas
Foto: Lucas Sabino
Por Redação Engeplus Em 20/04/2022 às 13:25

Oficinas de bordados ao ar livre, esse é o objetivo dos cursos ministrados pela bordadeira Fernanda Pacheco Sabino, proprietária do Jurema Bordados propõe nas oficinas que vão ocorrer nesta quinta-feira, dia 21, na Praça do Congresso, em Criciúma e próximo sábado, dia 24, na Praça do Centro Histórico, na cidade de Laguna. Os encontros ocorrerão das 14 às 17 horas.

O projeto Bordando histórias: resgate da memória através de oficinas de bordado livre" tem como objetivo fomentar e desmistificar o bordado livre nos parques e praças das cidades do sul catarinense.  "O objetivo deste projeto será apresentar às pessoas uma nova roupagem para os bordados, antes vistos como um artesanato ultrapassado, demonstrando a possibilidade do ato de bordar como expressão de arte, cultura e geração de renda", comenta Fernanda.

Além de aprender ou aprimorar as técnicas de bordados, os alunos tem a oportunidade de conhecer novas pessoas e interagir com o meio ambiente. "E a ideia de fazer ao ar livre é integrar os participantes ao bem-estar que os parques e praças proporcionam", completa a artesã.

As técnicas do bordado livre são simples e versáteis. Os bordados podem ser produzidos para aplicação em diversas superfícies, tais como: peças de roupas, acessórios, toalhas, almofadas, quadros, folhas, papel.

Os materiais utilizados nas oficinas serão disponibilizados aos participantes, o kit é composto por tecido, bastidor, linhas, agulhas, tesoura de arremate e uma apostila feita exclusivamente para este Projeto.

Para participar os interessados devem preencher o formulário até às 12h, de quinta-feira, para quem for fazer a oficina em Criciúma. E para o curso de Laguna, as inscrições devem ser feitas até às 12h de sábado: https://forms.gle/gmyLHKDnpjtLMY9c8.

O Projeto foi selecionado pelo Edital Aldir Blanc 2021 – executado com recursos do Governo Federal e Lei Aldir Blanc de Emergência Cultural, por meio da Fundação Catarinense da Cultura.

Colaboração: Lucas Sabino