InternetData CenterAssinante

Grupo de Criciúma conhece Chile e Argentina

Aventureiros percorrem mais de 6,3 mil quilômetros entre os meses de janeiro e dezembro
Grupo de Criciúma conhece Chile e Argentina
Foto: Divulgação
Por Redação Engeplus Em 06/01/2019 às 15:14

Um grupo de nove pessoas de Criciúma viajou numa van por treze dias pelo norte do Chile e da Argentina. Os aventureiros percorrem mais de 6,300 quilômetros no período de 22 de dezembro a 3 de janeiro. O empresário William Eleotério e o economista Fabio de Godoi Machado já conheciam outras regiões do continente sul-americano. O povoado argentino de Purmamarca e o chileno de San Pedro de Atacama foram os dois lugares mais explorados e onde passaram o Natal e o Révellion.

“Eu fui nesta viagem para conhecer estes lugares ímpares e novas formas de pensar e de ver o mundo com outras pessoas completamente diferentes de mim. O deserto do Atacama foi, sem dúvida, o lugar mais incomum que já conheci. Muita montanha e quase não há verde. Foi um lugar que sempre quis conhecer por ser muito alto em relação ao nível do mar”, comentou Machado.

Os demais participantes realizaram sua primeira viagem fora do Brasil. Ana Cristina da Silva, Ana Lúcia Pintro, Deivisson Nascimento, Monique Garcia, Nicoly Patrício, Norton de Souza Correa e Ramilla Rosso Possamai jamais esquecerão as experiências inéditas que vivenciaram juntos.

“Eu sempre soube que amaria e que seria muito bom viajar. Vemos as fotos das pessoas em viagens sempre muito contentes e sorridentes, e não fazemos ideia do que tem por trás delas. É uma experiência incrível de conhecimento de si próprio. Onde você escuta menos os outros e mais você. Vendo até onde vai o seu limite e o que você suporta. E dentre esses limites, o mais difícil de superar é a falta da família”, avaliou Monique, que trabalha como guia de turismo.

Leia mais sobre: