InternetData CenterAssinante

Amrec registra 34 óbitos no trânsito em 2019

Semana Nacional de Trânsito iniciou nesta quarta e segue até dia 25 de setembro
Amrec registra 34 óbitos no trânsito em 2019
Foto: Divulgação
Por Jessica Rosso Em 18/09/2019 às 20:30

Em 2019, até o dia 19 de setembro, a região da Amrec registrou 34 óbitossendo que oito foram na cidade de Criciúma. Segundo a  Organização Mundial da Saúde (OMS) o Brasil é o quarto país do mundo em mortes no trânsito. No Brasil ocorrem aproximadamente 57 mil mortes por ano (156 mortes por dia e seis mortes por hora e uma morte a cada 10 minutos).

 O Estado de Santa Catarina tem 1 morte a cada 6 horas. 

 A cada 6 horas 1 minuto e 56 segundos uma pessoa per­de a vida no trânsito em Santa Catarina. É o 2º Estado Brasileiro com maior numero de mortes com motos (3 x maior que homicidios em Santa Catarina)

Segundo o policial civil Almir Fernandes é preciso levar em conta que dois dos principais fatores que influenciam no crescimento da taxa de mortalidade no trânsito são a relação “comportamento e segurança dos usuários” e os relatórios internacionais sobre acidentes de trânsito. O CONTRAN definiu para este ano o tema da Semana Nacional de Trânsito como:  Década Mundial de Ações para a Segurança do Trânsito – 2011/2020: Ano 2018: "Nós somos o trânsito".

"É importante alertar que para mudar esse quadro dependemos da mudança de atitude de todos os atores no trânsito (pedestres, ciclistas, passageiros e condutores). O ator do trânsito deve ser tratado como alguém que tem o poder de decidir o seu destino e que é responsável pelas próprias ações e vai sofrer as consequências de suas escolhas. Cada um de nós é responsável por mudanças de atitudes no trânsito para que possamos cada vez mais preservar vidas".

 

Lesões Corporais:

Em  2018,  no  Brasil aproximadamente 500 mil tiveram lesões corporais, de gravidade leve e gravíssima. 

Obs

* Para cada morte no trânsito, em média,  há sete vítimas de lesões corporais.

 

Amrec / Criciúma

 

Em2016 a região da Amrec registrou 92 óbitos no trânsito, sendo 16 em Criciúma.  Até o dia 9 de setembro foram registrados 54 óbitos, sendo 13 em Criciúma.

Em 2017 foram registrados 84 óbitos, sendo 31 mortes em Criciúma. Até o dia 9 de setembro já haviam sido registrados 51 óbitos, sendo 17 em Criciúma.

Em 2018, até o dia 9 de setembro, foram 32 óbitos, sendo nove registrados na cidade de Criciúma.