Trânsito

Trânsito

Alterações no estacionamento rotativo de Criciúma

Mudanças começaram nos últimos 15 dias e planejamento segue nos próximos dias

24
ABR
2018
| 17h17
17h17
Jessica Rosso
Jornalista | Portal Engeplus
Escreva para a redação referente a esta matéria
Enviar mensagem

Este contato será envido de modo restrito para o jornalista.
Contribua com a matéria
Dúvidas, sugestões ou contribuições
Arquivo Engeplus

Quem utilizou o estacionamento rotativo no Centro de Criciúma, por um breve tempo, nos últimos 15 dias, percebeu que não há mais tolerância de cinco minutos. Além disso, o número de monitores aumentou de um para dois, em ruas do Centro que possuem maior movimento de carros. São elas: Marcos Rovaris, Getúlio Vargas e Rui Barbosa. Para os próximos dias também será ampliada a região onde o estacionamento é cobrado. 

Segundo o gerente do Criciuma Rotativo Frank Bez Fontana, não está na Lei que deve existir um tempo de tolerância. " Na verdade isso é uma questão de bom senso, só que não está havendo, e isso está sendo prejudicial para a população. Porque algumas pessoas dizem para o monitor que vão deixar apenas cinco minutos e acabam deixando mais tempo, e aí o monitor tem que lembrar dessas pessoas, e em áreas de muito movimento ele acaba esquecendo", explica o gerente sobre o porque da medida ter sido tomada. "Ele vai anotar, e o agente de trânsito, é quem vai passar e notificar caso tenha passado do tempo. Depois, o motorista vai acertar com o monitor. Se ele ficar menos que uma hora vai pagar o valor da hora cheia que é R$ 2", afirma. 

Ainda sobre o valor pago no estacionamento rotativo, o gerente explica que sempre que sobrar tempo do valor pago, o morista pode usar o restante em outra rua. " Por exemplo, o motorista pagou para usar das 13h às 14 horas, e só usou 30 minutos. Caso ele vá para outra rua, onde também é cobrado o estacionamento rotativo, ele ainda pode usar os outros 30 minutos dentro do horário pago", ressalta.


Mais monitores nas ruas, e mais ruas na cobrança de estacionamento rotativo

De acordo com Frank, muitas pessoas reclamam sobre estacionar e não encontrar o monitor, ou precisar esperar por ele. Por isso, outra medida tomada nos últimos dias, é o aumento de monitores em ruas de maior movimento. Nas ruas Marcos Rovaris, Getúlio Vargas e Rui Barbosa, que antes era apenas um, agora tem dois monitores. Atualmente 52 monitores estão nas ruas do Centro. Até sexta-feira, o número chegará a 60 monitores. 

Na próxima segunda-feira, o estacionamento rotativo passará a valer também na rua Henrique Lage. Também está no projeto ampliar a região de cobrança, não se limitando apenas a área Central, porém ainda não há uma previsão e quais ruas passarão a fazer parte do rotativo.  

Leia mais sobre:
Fala Leitor
Se você possui uma sugestão de pauta, artigo ou um fato que deseja noticiar, entre em contato conosco pelo Fala Leitor.
imagens recentes no Portal
Nações Shopping apresenta Exposição Internacional DragõesProtestos no Sul causam desabastecimento Atletismo reúne cerca de 200 estudantes na pista da Unesc e encerra JescFuncionária de laboratório criciumense fez parte de esquema de falsificação'Não saí de minha empresa para ser coadjuvante', Flavio Rocha em CriciúmaA Bela e a Fera no palco do Teatro Elias Angeloni, em Criciúma