InternetData CenterAssinante

Violência doméstica: conheça o programa de proteção à mulher da Polícia Militar

Ele é direcionado à prevenção da violência doméstica e familiar contra a mulher
Violência doméstica: conheça o programa de proteção à mulher da Polícia Militar
Foto: Divulgação
Por Redação Em 30/07/2020 às 21:40

A 6ª Região de Polícia Militar (6ª RPM), conta com o programa institucional da Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC), Rede Catarina de Proteção à Mulher, direcionado à prevenção da violência doméstica e familiar contra a mulher, estando pautado na filosofia de polícia de proximidade. O programa se sustenta em ações de proteção, no policiamento direcionado da Patrulha Maria da Penha e na disseminação de solução tecnológica.

“A violência doméstica contra a mulher vem aumentando gradativamente com o novo contexto social em meio à quarentena. As mulheres estão mais vulneráveis, expostas à violência doméstica e com menos oportunidades de pedir ajuda, vez que estão sob constante vigilância do agressor em seus lares, devido ao isolamento social”, destacou a Soldado Rafaela de Jesus Colares.

Com todos os cuidados e seguindo as normas de prevenção ao Covid-19, a 6º RPM continuou fazendo as visitas preventivas a Rede Catarina. Foram realizadas nos últimos 10 meses mais de 3.670 visitas, mantendo uma rede de proteção para mais de 495 mulheres, dando apoio e direcionamentos necessários para a solução do problema. 

A Rede Catarina de Proteção à Mulher foi idealizada a partir de práticas existentes por todo território nacional e em Santa Catarina, onde mulheres vítimas de violência doméstica e familiar passaram a ter voz. “É preciso confiar na Polícia Militar e querer a mudança, acreditar que é possível acabar com essa violência. A Rede Catarina de Proteção a Mulher está diariamente presente servindo e protegendo”, pontuou o Soldado Giliarde da Silva Tachinski.