InternetData CenterAssinante

Polícia Militar monta força-tarefa para prender homem que atirou contra policiais

Estão em Criciúma guarnições de Choque, Canil, PRF, Bope, PMRv
Polícia Militar monta força-tarefa para prender homem que atirou contra policiais
Foto: Divulgação / Polícia Militar
Por Rafaela Custódio Em 31/03/2020 às 22:54

A Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC) montou uma força-tarefa em Criciúma para localizar o homem que atirou contra dois policiais na tarde desta terça-feira, dia 31, no bairro Renascer.

O comandante geral da PMSC coronel Carlos Alberto Araújo autorizou a vinda de tropas para a cidade. Estão no Sul do Estado equipes especializadas como o Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE), Batalhão de Aviação da PMSC, Canil (K9), Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Militar Rodoviária (PMRv), tropa de Choque, profissionais de Inteligência das Forças de Segurança Pública. Todos estão atuando em conjunto e iniciaram na noite de hoje a operação. 

O comandante do 9º Batalhão de Polícia Militar (BPM), tenente-coronel Cristian Dimitri Andrade destaca a união de esforços na tentativa de capturar o criminoso por atirar contra os policiais. “Só iremos sair daqui quando eles forem capturados".  

Policiais são alvejados com tiros de arma de fogo durante abordagem no bairro Renascer
Em conjunto: PM e Polícia Civil realizam operação para prender criminoso que atirou em policiais
Estado de saúde de um dos policiais baleados é grave
PM encontra arma escondida próxima de residência onde policiais foram baleados

O estado de saúde de um dos policiais baleados na tarde desta terça-feira, dia 31, é grave. De acordo com o comandante do 9º Batalhão da Polícia Militar (BPM), coronel Cristian Dimitri, ele foi internado no Hospital São José após ser atingido na cabeça. O outro policial baleado segue estável e consciente. Já o terceiro policial que esteve na ocorrência não foi atingido. As informações foram atualizadas pelo comandante às 20 horas.

Quem tiver informações sobre o homem poderá entrar em contato com a PM por meio dos telefones 190, 181 da Polícia Civil, aplicativo PMSC Cidadão e Rede de Vizinho.