InternetData CenterAssinante

Polícia Civil deflagra operação em combate ao tráfico de drogas em Laguna

Ação iniciou nesta quarta-feira com 12 medidas judiciais expedidas pelo Judiciário
Polícia Civil deflagra operação em combate ao tráfico de drogas em Laguna
Foto: Divulgação/Polícia Civil
Por Rafaela Custódio Em 24/06/2020 às 10:23

A Polícia Civil por meio da Divisão de Investigação Criminal (DIC) deflagrou na manhã desta quarta-feira, dia 24, uma operação em combate ao tráfico de drogas em Laguna. A ação tem como objetivo dar continuidade as prisões realizadas no dia 29 de maio em que dois homens foram presos também por tráfico de entorpecentes.

A operação foi denominada de ‘Juliana’. Já que as duas primeiras prisões aconteceram no bairro Jardim Juliana. A ação foi realizada com o objetivo de cumprir 12 medidas judiciais expedidas pelo Judiciário local. São seis mandados de busca e apreensão, cinco mandados de prisão preventiva e um mandado de medida cautelar alternativa à prisão.

Depois das prisões realizadas no dia 29 de maio, os policiais iniciaram investigações e apuraram a existência de uma associação criminosa voltada à prática do tráfico de drogas e enraizada no bairro Jardim Juliana. Conforme a investigação, não satisfeita com o comércio ilegal de maconha, ecstasy, e ‘loló’, a associação criminosa também vinha se vangloriando por intermédio da posse clandestina e irregular de armas de fogo, geralmente demonstradas por intermédio de fotografias nas redes sociais.

Ainda foi possível, através da investigação criminal, apurar a conduta individualizada e desenvolvida pelo grupo criminoso, desde o responsável pelo abastecimento da droga a diversos pontos do município de Laguna – dentre os quais se inclui o bairro Jardim Juliana -, como também o responsável pela ocultação da droga, por sua venda, pela contabilidade e por todo apoio logístico empregado.

A operação contou com a participação de policiais civis das Delegacias de Polícia de Laguna, Imbituba , Garopaba, Pescaria Brava e de Capivari de Baixo. Foi deflagrada como forma de finalização das investigações do inquérito policial, o qual resultou no indiciamento de oito pessoas. De acordo com o delegado Bruno Fernandes, trata-se de importante operação com êxito na delimitação das condutas desenvolvidas por pelo menos oito investigados, que vinham ostentando os ilícitos cometidos, e zombando ao publicarem diversas fotografias com armas de fogo.

“Trata-se de importante medida tomada no âmbito do município de Laguna, especialmente no que tange aos moradores do bairro Jardim Juliana, que voltarão a ter a devida tranquilidade local”, afirma o delegado.