InternetData CenterAssinante

Autor de feminicídio premeditou crime, afirma delegado

Horas antes de assassinar a ex-mulher, ele comprou uma faca em Tubarão
Autor de feminicídio premeditou crime, afirma delegado
Foto: Divulgação
Por Jessica Rosso Em 11/08/2020 às 20:40

O crime de feminicídio que aconteceu na tarde desta terça-feira, dia 11, em Laguna, foi premeditado. A afirmação foi feita pelo delegado Bruno Fernandes após o ex-marido da vítima, de 51 anos, confessar o crime, revelando à polícia que saiu de Tubarão para ir a Laguna com o propósito específico de matá-la. As informações são do Portal Sul Agora.

Segundo o delegado antes das 10 horas, o acusado foi até Tubarão e comprou uma face em um supermercado. Depois foi até a loja da ex, conversou com a funcionária e entrou na casa, que fica nos fundos do estabelecimento. Imediatamente, desferiu diversas facadas contra a vítima. Na tentativa de socorrer a ex do acusado, a funcionária também levou facadas. A jovem está no Hospital de Caridade Nosso Senhor Bom Jesus dos Passos, onde foi submetida a cirurgia. "Ele acabou contando as minúcias do crime em questão. E a razão, segundo ele, seria o fato de estar sendo traído, o que é controverso e jamais justificaria uma atitude desse tipo", relata o delegado.

Quando encontrado, escondido dentro de uma embarcação, o acusado vestia uma calça suja de sangue e contou que usou cocaína antes e depois do crime. Ele foi autuado em flagrante por homicídio qualificado consumado e homicídio tentado, e levado para a Unidade Prisional Avançada de Laguna.

Leia mais sobre: