InternetData CenterAssinante

Suspeito é preso por compartilhamento e posse de conteúdo de abuso sexual infanto-juvenil

Operação da Polícia Federal foi deflagrada nesta quarta-feira, dia 10
Suspeito é preso por compartilhamento e posse de conteúdo de abuso sexual infanto-juvenil
Foto: SXC.Hu
Por Heitor Carvalho Em 10/07/2019 às 16:36

Um comerciante de 39 anos, morador de Jaguaruna, foi preso em flagrante pela Polícia Federal por compartilhar e possuir imagens e vídeos com conteúdo de abuso sexual infanto-juvenil. A prisão do suspeito aconteceu durante cumprimento de mandado judicial de busca e apreensão na manhã desta quarta-feira, dia 10.

As investigações tiveram início a partir de relatório produzidos pela PF, que identificou o suspeito após ele ter baixado e compartilhado diversas imagens e vídeos de pornografia infantil.

O crime de compartilhamento de arquivos de pornografia infantil, previsto no artigo 241-A do Estatuto da Criança e do Adolescente, é punido com pena de reclusão de 3 a 6 anos. Já o crime de posse de arquivos de pornografia infantil, tipificado no artigo 241-B do mesmo estatuto, é punido com pena de reclusão de 1 a 4 anos.