InternetData CenterAssinante

Suspeito de atear fogo em fábrica de etiquetas em Araranguá é preso

Homem de 24 anos foi preso pela Polícia Civil nessa quinta-feira
Suspeito de atear fogo em fábrica de etiquetas em Araranguá é preso
Foto: Karin Mariana / Rádio Araranguá / Arquivo
Por Rafaela Custódio Em 22/11/2019 às 08:05

Um homem de 24 anos foi preso nessa quinta-feira suspeito de atear fogo em uma fábrica de etiquetas em Balneário Morro dos Conventos, em Araranguá. O empreendimento foi destruído pelas chamas na madrugada da última quarta-feira por volta das 5h30, quando o Corpo de Bombeiros foi acionado para atender a ocorrência, registrada na rua Francisco Zeferino.

Segundo a Rádio Araranguá, agentes da Polícia Civil coordenados pelo delegado Cléber Serrano, prenderam em Balneário Morro dos Conventos o suspeito. Ele admitiu que furtou a empresa e do local levou folhas de cheques, mas negou que tenha ateado fogo na fábrica. 

De acordo com a Polícia Civil, algumas pessoas acionaram os agentes e informaram que um homem estaria tentando trocar os cheques furtados com moradores do Balneário Morro dos Conventos. A guarnição se deslocou até a residência do suspeito e o prenderam. O homem relatou que sabia que a fábrica possuía câmeras de segurança, com isso, arrancou os aparelhos e jogou em um matagal. 

A Polícia Civil trabalha com a hipótese do incêndio tenha ocorrido por um curto-circuito provocado após o dano no equipamento, porém somente a perícia apontará as reais causas. O homem que saiu do presídio em maio deste ano e após as declarações foi encaminhado à delegacia. 

Leia mais sobre: