InternetData CenterAssinante

Polícia Militar e Civil mais próximas com a comunidade de Barra Velha

A operação deverá ocorrer com mais frequência na localidade
Polícia Militar e Civil mais próximas com a comunidade de Barra Velha
Foto: Divulgação
Por Redação Engeplus Em 21/08/2019 às 08:13

Durante o Orçamento Comunitário, em Balneário Rincão, a comunidade de Barra Velha solicitou que a polícia intensificasse sua presença no bairro. Com isso, a Polícia Civil e Militar se uniram para uma aproximação com a localidade. Estiveram nessa terça-feira, dia 20, durante todo o período da tarde realizando atendimentos.

A equipe percorreu o bairro conversando e orientando os estabelecimentos comerciais, bares e comunidade, em uma ação educativa. “Esse projeto é inovador, estamos indo ao encontro da comunidade para conversar, esclarecer dúvidas. Essa fiscalização nos bares e estabelecimentos é uma forma de aproximação com a comunidade. O bairro Barra Velha fica um pouco distante do centro da cidade, com isso, dificulta para o morador ir até a delegacia registrar um boletim de ocorrência. Aqui podemos realizar esse serviço”, informa o policial civil, Leandro Klug.

 A operação deverá ocorrer com mais frequência no bairro Barra Velha e pretende incluir outros seguimentos da segurança, como Corpo de Bombeiros, Defesa Civil, e até mesmo a Secretaria de Assistência Social do município. “Estamos hoje com um efetivo específico para essa ação, com oito carros da Polícia Militar (PM), além da equipe da Polícia Civil. Passamos nos estabelecimentos conversando, orientando e tirando dúvidas. Essa aproximação com o bairro é muito importante para a realização do nosso trabalho”, destaca o responsável pelo Destacamento da Polícia Militar em Balneário Rincão, Reginaldo Rzatki.

O Orçamento Comunitário é realizado nos bairros de Balneário Rincão. A prefeitura municipal vai até as comunidades ouvir suas reivindicações que são eleitas como prioridades. Obras e ações são eleitas pelos moradores e a prefeitura realiza. Em Barra Velha, a comunidade elegeu como prioridade a segurança pública. “Foram oito reuniões, 29 obras e ações escolhidas como prioridades, nessa segunda edição do Orçamento Comunitário. Estamos empenhados para atender o mais rápido possível, todas as solicitações. Hoje, foi um passo importante para o bairro que elegeu essa ação como prioridade. Nosso pedido à Polícia Militar e Civil é que aconteçam mais vezes essas ações”, enfatiza o prefeito municipal, Jairo Custódio.