navegue nos blocos da capa

Segurança

Litoral do RS

Marinha segue buscas a barco pesqueiro de Laguna desaparecido

Embarcação contava com sete tripulantes

11
AGO
2017
| 18h21
18h21
Marcelo De Bona
Jornalista | Portal Engeplus
Escreva para a redação referente a esta matéria
Enviar mensagem

Este contato será envido de modo restrito para o jornalista.
Contribua com a matéria
Dúvidas, sugestões ou contribuições
Marinha/ Arquivo Divulgação

A Marinha segue realizando buscas para tentar encontrar o barco pesqueiro Dom Manoel XVI. A embarcação de Laguna desapareceu nesta sexta-feira, em Rio Grande, no Litoral Sul do Rio Grande do Sul.

Segundo o 5º Distrito Naval da Marinha, o barco estava a cerca de 15 quilômetros da costa quando desapareceu. Além de um Navio Patrulha da Marinha, um helicóptero e uma aeronave da Força Aérea Brasileira foram acionados para auxiliarem nas buscas. No entanto, até o fim da tarde desta sexta-feira a embarcação e os sete tripulantes não foram encontrados.

Ainda conforme o 5º Distrito Naval da Marinha, as buscas seguirão até a embarcação e os tripulantes serem localizados.

Confira abaixo, na íntegra, a Nota Oficial emitida pelo 5º Distrito Naval:

MARINHA DO BRASIL

COMANDO DO 5º DISTRITO NAVAL

NOTA À IMPRENSA

Rio Grande, 11 de agosto de 2017

A Marinha do Brasil (MB) por meio do Comando do 5º Distrito Naval (Com5ºDN) foi informada hoje (11), às 7 horas, segundo relato do despachante do “Dom Manuel XVI” que o barco de pesca “Dom Manoel XV” perdeu contato visual com o barco de pesca “Dom Manoel XVI”, Elas vinham navegando juntos com destino a Rio Grande–RS. A embarcação de pesca “Dom Manuel XVI” inscrita em Laguna-SC foi vista pela última vez há 15 quilômetros da costa de Rio Grande-RS, às 3 horas da madrugada de hoje, e possui 7 tripulantes.

A MB, por meio do Serviço de Busca e Salvamento do Com5ºDN, acionou o Navio-Patrulha “Benevente”, e um helicóptero do 5º Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral, uma aeronave da Força Aérea Brasileira e embarcações próximas ao ocorrido para efetuarem as buscas. Além disso, a ação conta com o apoio da Rede Nacional de Estações Costeiras para a realização de chamadas via VHF, a fim de alertar as embarcações que navegam nas proximidades.

Leia mais sobre:
Fala Leitor
Se você possui uma sugestão de pauta, artigo ou um fato que deseja noticiar, entre em contato conosco pelo Fala Leitor.
imagens recentes no Portal
Colcha feita a 'Mil mãos' é arrematada em R$ 9 milSócios-torcedores de Santa Catarina têm promoção especial de cervejaCoach Fabiana Izidoro desenvolve analise comportamental junto ao NTINota de falecimento: Maria de Arlete Machado, de 78 anosPrefeito e promotor divergem sobre venda de terrenosSabrina Parlatore fala sobre câncer de mama em evento gratuito