InternetData CenterAssinante

Segurança reforçada: Polícias Militar e Civil de Criciúma ganham novo equipamento

Drone foi doado pela Acic para reforçar segurança do município
Segurança reforçada: Polícias Militar e Civil de Criciúma ganham novo equipamento
Foto: Mariana Noronha
Por Mariana Noronha Em 05/05/2015 às 18:46

As Polícias Militar e Civil de Criciúma ganharam na tarde desta terça-feira, dia 5, um Drone para reforçar a segurança do município. Os equipamentos, doados pela Associação Empresarial de Criciúma (Acic), possuem capacidade de alcance de voo de até três quilômetros e câmera com imagens de alta resolução em tempo real. Ainda na solenidade, que marcou os 180 da PM, houve homenagens aos policiais, e aos Amigos da 6ª Região da PM.  

De acordo com o comandante da 6ª Região da Polícia Militar, Lênio Espíndola, o novo equipamento será importante para as ações em áreas de risco. "Nos dará mais visibilidade de todo o ambiente, para planejamento de atividades. Podendo também verificar onde há pessoas armadas que possam entrar em confronto, como também fazer o trabalho preventivo, verificar pontos de drogas e tráfico. Vai contribuir no trabalho de prevenção e repressão", comenta.  

Segundo o comandante, uma equipe de policiais militares já passou por uma etapa e dará continuidade à capacitação para utilizar o equipamento. O Drone será usado principalmente nas operações especiais do órgão de segurança, como blitz e combate ao tráfico de drogas. "A ideia é não usá-lo somente em Criciúma, e sim em toda a região, quando houver necessidade", acrescenta Espíndola.  

Já na Polícia Civil, a utilização do equipamento, conforme o delegado regional, Jorge Koch, será mais cautelosa. "A Polícia Civil faz um trabalho de investigação, e o uso do equipamento pode ser prejudicial. Mas, de qualquer forma soma às diversas ferramentas que temos para nosso trabalho e agradecemos à Acic e às entidades em apoio às Polícias Civil e Militar para combater a criminalidade", destaca. 

Capacidade dos equipamentos - Os drones modelos Vision Plus (multirotor) foram importado dos Estados Unidos e comercializado aqui em Criciúma através da Drones Sul. De acordo com o proprietário da empresa, Adriano Silva de Souza, os equipamentos doados possuem um valor de aproximadamente R$ 5,5 mil cada.  

O alcance de voo e distância variam de 500 metros, que é o padrão, até três quilômetros, se for adaptado. Anda de 30 a 40 quilômetros por hora, e tem uma média de tempo de voo de até 15 minutos. Além disso, possui uma câmera que pode transmitir imagens (full HD) para um celular em tempo real, fotografar ou filmar.  

Campanha para comprar os equipamentos - De acordo com o presidente da Acic, César Smielevski, o dinheiro para comprar os dois drones foi arrecadado através de uma campanha que a associação criou nas redes sociais. "Acreditamos que a solução dos problemas da sociedade pode começar pela sociedade se unindo em torno desta solução", disse.  

Smielevski foi um dos homenageados a ganhar uma medalha de "Amigo da 6ª região da PM". "Não sei se sou merecedor, mas divido essa homenagem com todos os colaboradores da Acic, e todos aqueles que também colaboraram na compra dos drones", conclui.