InternetData CenterAssinante

Cirurgião Bucomaxilofacial no rol de prestadores de serviço da operadora

Cirurgião Bucomaxilofacial no rol de prestadores de serviço da operadora
Foto: Divulgação
Por Redação Engeplus Em 25/08/2021 às 16:58

A odontologia conta com diversas áreas de atuação, entre estas, uma especialização muito importante para a área, o cirurgião Buco-Maxilo-Facial. O especialista desempenha algumas funções significativas em uma unidade hospitalar no atendimento em procedimentos altamente complexos como tratamento de fraturas e cortes na face.

A Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial, é a especialidade que tem como objetivo o diagnóstico e tratamento de problemas como traumatismos, lesões e anomalias congênitas ou adquiridas do aparelho mastigatório e estruturas craniofaciais associadas.

Tratamento de fraturas de face como: mandíbula, maxilar, nariz e ossos malares, remoção de lesões de boca, dentes do siso, enxertos ósseos, colocação de implantes dentários, também são algumas das atividades desenvolvidas por este especialista. Uma outra importante atuação da área, é a realização de cirurgia estética e funcional dos ossos da face a cirurgia ortognática; que tem a função de restabelecer a forma e função dos ossos da face que apresentem alteração genética ou pós- traumática.

Segundo o chefe do serviço no HSJosé Dr. Eron José Baroni, após a implantação da obrigatoriedade do uso de capacete e cinto de segurança no Brasil para ocupantes de veículos e motocicletas, o índice de traumas, causados por acidentes caiu, mas outros tipos de problemas como fraturas causadas por arma de fogo tem sido situações onde há necessidade do atendimento do especialista, e este índice tem aumentado nos últimos anos. “Geralmente, o cirurgião bucomaxilofacial quando acionado para atendimento em hospitais, precisa tratar traumatismo de face (fraturas) e boca; essas, corriqueiramente são os principais e mais comuns atendimentos da especialidade. Cirurgias eletivas chamadas cirurgia ortognática para correção de parte funcional e estética das alterações (deformidades) ósseas da face, também são algumas das correções que realizamos”, aponta Baroni.

Em uma unidade hospitalar, o cirurgião bucomaxilofacial, atua ainda em situações com neurocirurgiões, ortopedistas, especialistas de cabeça e pescoço, otorrinos, oftalmologistas e socorristas também. "A especialidade tem ainda, a capacidade de auxiliar pacientes no tratamento de enxaqueca crônica, que podem estar relacionadas com disfunções na articulação temporomandibular (ATM) por exemplo, e muitos outros tipos de problemas relacionados a ossos das face”, explica Baroni.

Estas e outras situações que possam apresentar complicações como problemas no dente do siso, ou tumores na boca, também são intervenções que este especialista pode atuar.

No Hospital São José, prestador de serviço da operadora, a equipe de cirurgiões buco-maxilo-facial, é composta por três especialistas, Eron José Baroni, Flávio Tomazi e Andreia Willleman Manfredini. O serviço no HSJosé funciona todos os dias 24h.

Colaboração: Assessoria de Imprensa - Katia Farias