InternetData CenterAssinante

Segunda etapa de Campanha Nacional contra o sarampo começa na próxima segunda-feira

Foco será em adultos entre 20 e 29 anos. Campanha segue até 30 de novembro
Segunda etapa de Campanha Nacional contra o sarampo começa na próxima segunda-feira
Foto: Divulgação / Decom
Por Redação Engeplus Em 17/11/2019 às 09:46

A Secretaria de Saúde de Criciúma, por meio do Programa de Imunização da Vigilância em Saúde, inicia nesta segunda-feira, dia 18, a segunda etapa da Campanha Nacional de Vacinação Contra o Sarampo. O foco será em adultos entre 20 e 29 anos. A campanha segue até dia 30 de novembro.

De acordo com a enfermeira técnica do Programa de Imunização, Kelli Barp Zanette, é importante ressaltar que a vacina é de rotina. “Bebês entre seis e 11 meses devem ter uma dose zero, que depois será reforçada com um ano e com um ano e três meses, que será válida para toda a vida. Entre 20 e 29 anos deve ter duas doses registradas na carteirinha e de 30 a 39 anos uma dose”, enfatiza. 

Casos de sarampo em Santa Catarina

Segundo boletim divulgado pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica de Santa Catarina (Dive-SC), foram confirmados 94 casos de sarampo em Santa Catarina, até dia 8 de novembro. Do total de casos confirmados, três foram em tripulantes de um navio atracado no litoral catarinense no mês de fevereiro  e outros 91 casos estão distribuídos em 21 municípios: Joinville (25), Florianópolis (23), Palhoça (7), Jaraguá do Sul (7), Concórdia (5), São Bento do Sul (4), Barra Velha (3), São José (2), Governador Celso Ramos (2), São Francisco do Sul (2), Guaramirim (1), Balneário Camboriú (1), Schroeder (1), Guabiruba (1), São João Batista (1), Imbituba (1), Tubarão (1), Monte Castelo (1), Mafra (1), Jaborá (1) e Araquari (1).

Segundo a enfermeira, Criciúma não tem casos confirmados, mas é importante trabalhar na prevenção. “O vírus se espalha pelo ar através da respiração, tosse ou espirros, pode ficar até duas horas no ambiente. Uma pessoa com sarampo pode transmitir a doença para uma média de 12 a 18 pessoas que nunca foram expostas ao vírus anteriormente ou que não tenham se vacinado”, afirmou.

No dia 30 de novembro, todas as Salas de Vacinação das UBS de Criciúma estarão abertas das 8 às 17 horas, sem fechar ao meio-dia.