InternetData CenterAssinante

Mais de 180 participantes na 14ª Jornada Médica Sul Catarinense

Com recorde de público, evento se encerrou neste sábado, dia 17
Mais de 180 participantes na 14ª Jornada Médica Sul Catarinense
Foto: Divulgação
Por Redação Engeplus Em 18/08/2019 às 14:23

Abordando as especificidades das salas de emergência, a 14ª Jornada Médica Sul Catarinense encerrou, neste sábado, dia 18, com recorde de público. Ao todo, mais de 180 profissionais médicos e estudantes de medicina da Universidade do Extremo Sul Catarinense (Unesc), Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul) e Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC – Polo Araranguá), presenciaram palestras, talks e debates sobre os mais variados assuntos ligados ao tema do evento: a “Medicina de Emergência”.

E o evento cumpriu seu principal propósito. “Conseguimos aproximar médicos já atuantes com acadêmicos de medicina dos três principais polos de ensino da nossa região”, frisou o diretor da Regional Médica da Zona Carbonífera, Dr. Daniel Meller Dal Toé.

Com a integração, a Jornada Médica ilustra o objetivo da Regional Médica, que é o de abordar temas médicos atualizados para educação continuada dos profissionais da região. “Este é o nosso ponto de partida para que estudantes possam conhecer o cotidiano de um médico e se prepararem para os desafios que a profissão oferece, principalmente na sala de emergência”, completou Dal Toé.   

Experiência que complementa

Quem garantiu o aprendizado durante os dois dias de evento foi o acadêmico de medicina, Pedro Henrique Barp. Cursando a 9ª fase do curso, ele resolveu participar da 14ª Jornada Médica para acelerar os estudos. “É uma excelente maneira de agregar conhecimento para nós, estudantes”, parabenizou.

Durante o primeiro dia de evento, na sexta-feira, dia 16, o estudante pode entender melhor o lado humano da profissão que escolheu. “A palestra abordou a carreira médica como um todo, mas também a necessidade de que sejamos profissionais íntegros e que respeitam a vida”, comentou Barp. Já no segundo dia, as palestras e talks curtos, porém técnicos, prenderam a atenção do acadêmico. “Muitos tópicos foram debatidos de maneira concisa e eficiente, aprendi muito durante a Jornada”, garantiu.

Sucesso na 14ª Jornada Médica

Superando expectativas no número de inscritos, a 14ª Jornada Médica abordou a psicologia e suicídio como temas de emergência, bem como atendimento pré-hospitalar, gastroenterologia, arritmia, dores torácicas, choque séptico e emergências neurológicas. “Foram todas palestras de alto nível, didáticas e, principalmente, relevantes para os profissionais e os acadêmicos de medicina que estiveram presentes”, disse o diretor científico da Regional Médica da Zona Carbonífera, Dr. André de Luca. “Com certeza um evento para ficar marcado e que agregou muito aos atuais e futuros médicos da nossa região”, finalizou de Luca.

Colaboração: Novo Texto Comunicação