InternetData CenterAssinante

Rede Feminina de Combate ao Câncer de Criciúma inaugura nova sede

Em 2018, a rede atendeu 15.648 pessoas, entre mulheres e homens com câncer
Rede Feminina de Combate ao Câncer de Criciúma inaugura nova sede
Foto: Alexandre Pizzetti
Por Jessica Rosso Em 05/12/2018 às 16:10

Nesta quarta-feira, dia 5, às 19 horas, inaugura a nova sede da Rede Feminina de Combate ao Câncer de Criciúma. O evento ocorre na rua Eugêncio de Bona Castelan, Nº138, no centro, em Criciúma.

De acordo com a presidente Rosa Maria Bernardini de Santos, o antigo endereço, que era em um edifício, não comportava mais os serviços oferecidos pela rede. "O lugar era pequeno e muitas mulheres estavam deixando de ir também porque precisava pegar elevador. Então, agora vamos poder ampliar os serviços e atender melhor. A nova casa é um sonho que estamos realizando", disse. 

Durante o recesso de fim de ano, a diretoria da rede irá trabalhar nos projetos para o próximo ano. " Voltaremos a atender no dia 4 de fevereiro, a partir das 8 horas da manhã. Lembrando que já estamos trabalhando há dois anos com o nosso horário estendido para beneficiar quem trabalha em horário comercial e precisa fazer o exame", complementou.

A rede atende de segunda a sexta-feira, das 8h ao meio dia e das 13h às 17 horas, com excessão de quartas e quintas, que atende das 13h até às 20 horas. Em 2018, a rede atendeu 15.648 pessoas, vítimas de câncer de mama e câncer de colo de útero, sendo que neste número estão inseridos vítimas do sexo masculino, comentou a presidente. "Muitas pessoas não sabem, mas a Rede Femina de Combate ao Câncer de Criciúma atende homens também com câncer de mama. Os atendimentos no ano de 2018 ocorreram no ambulatório, no Hospital São José e também no Hospital São João.