navegue nos blocos da capa

Saúde

Araranguá

I​mpasse do Hospital Regional pode ser definido nesta quarta

Discussões entre sindicato e Ideas ocorrem desde o início da semana

10
JAN
2018
| 10h27
10h27
redação
Jornalista | Portal Engeplus
Escreva para a redação referente a esta matéria
Enviar mensagem

Este contato será envido de modo restrito para o jornalista.
Contribua com a matéria
Dúvidas, sugestões ou contribuições
Divulgação

As negociações entre o Instituto de Desenvolvimento, Ensino e Assistência à Saúde (Ideas) e o Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Saúde de Criciúma e Região (Sindisaúde) para reiniciar os trabalhos no Hospital Regional de Araranguá podem ser definidas nas próximas horas. As tratativas são intermediadas pelo Governo do Estado desde o início da semana, sendo que nesta quarta-feira, às 19 horas, os trabalhadores votarão em assembleia as cláusulas discutidas nas reuniões.

A Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina (SPDM), antiga gestora da instituição, deixou o Hospital Regional de Araranguá por decisão judicial nesta terça-feira, último dia do prazo estabelecido pela justiça. Trabalhadores e sindicalistas continuam ocupando a instituição, que permanece com os atendimentos interrompidos. O sindicato preconiza que todos os atuais profissionais sejam recontratados, ponto que ainda não houve consenso.

​De​ acordo com o secretário de Articulação Estadual e Nacional de Santa Catarina, Acélio Casagrande, a expectativa ​é ​que a assembleia​ ​respaldará as negociações dos últimos dias e a definição sairá nesta quarta-feira. Para que os atendimentos sejam iniciados o mais rápido possível​,​ uma equipe ​de Florianópolis ​​​da Secretaria do Estado da Saúde (SES)​​ realizou uma vistoria no Hospital Regional nesta terça-feira.

"Criamos uma comissão de avaliação e acompanha​mento da transição entre o SPDM e o Instituto Ideas e iniciamos uma vistoria nos equipamentos que estão no hospital, bem como quais serão necessários para ​atender a população. Já temos uma listagem prévia, haverá um comparativo com um engenheiro da secretaria e, provavelmente, em alguns dias, se finaliza esse inventário", destaca a consultora jurídica da SES, Janine Silveira dos Santos Siqueira.

Colaboração: Douglas Saviato

Leia mais sobre:
Fala Leitor
Se você possui uma sugestão de pauta, artigo ou um fato que deseja noticiar, entre em contato conosco pelo Fala Leitor.
imagens recentes no Portal
Balneário Rincão terá primeiro berçárioRock Laguna acontece nesta sexta-feira com maratona de onze horas de músicaPolícia Civil prende autores de furtos em empresas da regiãoObra do Canal Auxiliar avança em direção à Santa BárbaraTrês pessoas ficam feridas em acidente na SC-485Acidente deixa trânsito congestionado na BR-101