InternetData CenterAssinante

Formado Comitê Regional de Prevenção do óbito materno, infantil e fetal

Grupo vai atuar em todos os municípios da região de Araranguá
Formado Comitê Regional de Prevenção do óbito materno, infantil e fetal
Foto: divulgação
Por Redação Engeplus Em 05/12/2017 às 09:23

Foi formado nessa segunda-feira, dia 4, em Araranguá, o Comitê Regional de Prevenção do óbito materno, infantil e fetal. A definição foi tomada durante uma reunião técnica realizada no auditório da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR), coordenada pela Gerência Regional de Saúde.

Durante o encontro, foi realizada a leitura do regimento interno e apresentada a nominata dos membros do Comitê, coordenado pela enfermeira da Gerência Regional de Saúde, Valdete Schuelter Tartare, tendo como vice-coordenador o médico da Gerência, Dr. Silvio Caldas e secretariado pela técnica da atenção básica, Nelise Barbosa. São membros do Comitê, dois representantes de cada uma das 15 Secretarias Municipais de Saúde da região, entre eles servidores das vigilâncias epidemiológica e da atenção básica, e dois técnicos do Hospital Regional de Araranguá.

Segundo a coordenadora, o Comitê Regional terá a atribuição de analisar e sistematizar as informações resultantes da investigação epidemiológica dos óbitos materno, infantil e fetal realizada pelos municípios, com a finalidade educativa de aprimorar a qualidade das informações e o acompanhamento de políticas públicas nos municípios do Extremo-Sul.

As reuniões ocorrerão mensalmente. “A criação deste Comitê é muito importante para a região, sendo um órgão consultivo de suporte mútuo entre os municípios da região. Dúvidas poderão ser debatidas e encaminhadas para o âmbito Estadual”, concluiu a gerente de Saúde da ADR Araranguá, Patrícia Gomes Jones Paladini.

(Colaboração: Assessoria ADR Araranguá)