InternetData CenterAssinante

Nove mortes e mais de 330 motoristas embriagados nas rodovias federais catarinenses

Óbitos foram registrados nas rodovias BR-282, BR-280 e BR-470
Nove mortes e mais de 330 motoristas embriagados nas rodovias federais catarinenses
Foto: Divulgação PRF
Por Thiago Hockmüller Em 09/09/2019 às 11:34

O final de semana foi marcado pela imprudência nas rodovias federais catarinenses. Ao todo, foram nove mortes, sete delas na BR-282, além de 333 motoristas flagrados dirigindo alcoolizados. O balanço foi divulgado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na manhã desta segunda-feira, dia 9. E todas as mortes ocorreram em trechos de pista simples.

Outro problema levantado pelos agentes da PRF, é que o tempo chuvoso contribuiu para acidentes graves. De acordo com o balanço, os motoristas dos veículos em que ocorreram óbitos eram todos homens e tinham entre 22 e 40 anos de idade. Além dos óbitos na BR-282, também houve fatalidades na BR-280 e na BR-470. 

Embriaguez ao volante 

Em relação à fiscalização de embriaguez, o número de motoristas flagrados segue alto, mesmo diante da fiscalização contínua e do valor da multa (quase 3 mil reais). Lembrando que os motoristas flagrados também estão sujeitos a suspensão do direito de dirigir por um ano.  

Um dos casos que ilustra a imprudência aconteceu em Palhoça, na noite de sábado. Um motorista transitava pela contramão e foi abordado pelos policiais rodoviários federais. Ele apresentava sinais de embriaguez e confessou ter sido multado pela PRF no final de semana passado em função do mesmo crime.  

O homem realizou o teste de alcoolemia e o resultado foi 0,86 mg de álcool por litro de ar. Ele foi autuado, o valor da multa será de quase R$ 6 mil por ser reincidente nos últimos 12 meses na mesma infração. Além do mais, ele terá o direito de dirigir cassado, foi preso em flagrante e conduzido para a Delegacia de Polícia Civil. 

Leia mais sobre: