InternetData CenterAssinante

Em ato no Paço Municipal, Ricardo Fabris assume Prefeitura de Criciúma

Esta é a sexta vez que Fabris assume como prefeito interino do município
Em ato no Paço Municipal, Ricardo Fabris assume Prefeitura de Criciúma
Foto: Rafaela Custódio/Portal Engeplus
Por Rafaela Custódio Em 06/09/2021 às 11:59

O prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro, pediu licença por 15 dias nesta segunda-feira, dia 6, para tratar de assuntos pessoais. O vice-prefeito, Ricardo Fabris, assumiu a Prefeitura em ato no Paço Municipal Marcos Rovaris. Ele ficará sete dias de forma interina e na próxima segunda-feira, dia 13, o presidente da Câmara de Vereadores, Arleu da Silveira, assume como chefe do Poder Executivo criciumense. 

“O principal objetivo é garantir a normalidade e dar todos os encaminhamentos. Os próximos sete dias significam responsabilidade. Não tem como deixar uma marca pelo tempo”, destacou Fabris em entrevista ao Portal Engeplus

Já Arleu da Silveira, que assume a Prefeitura de Criciúma no dia 13, agradeceu a confiança. “Temos que dar continuidade ao trabalho já realizado pelo governo de Criciúma. Esta será a primeira vez que assumo como prefeito e é uma honra ocupar este cargo tão importante. Vamos atender a comunidade no que for preciso”, afirmou. 

Ao lado da primeira-dama Adriana Salvaro, o prefeito de Criciúma, afirmou que o cargo é entregue com a caneta cheia e com todos os poderes. “Eu tinha confirmado um compromisso que enquanto nós não vencermos a pandemia da Covid-19 e colocássemos a cidade em situação de normalidade, eu não ia arredar o pé do município, por isso trabalhamos de forma incansável e o legal é que estamos vencendo. Estamos quase voltando à normalidade. Não achava legal sair da cidade enquanto o povo estava clamando por vida. Entrego a Prefeitura com a caneta cheia e com todos os poderes. Peço aos nossos vereadores que continuem dando o tratamento ao executivo da mesma forma”, pontuou. Neste mandato, é a primeira vez que Salvaro pede licença do cargo. 

Leia mais sobre: