InternetData CenterAssinante

Comissão sobre ACP do Carvão discute prejuízos econômicos para Criciúma

Comissão Especial Temporária ouviu representantes da prefeitura nesta segunda-feira
Comissão sobre ACP do Carvão discute prejuízos econômicos para Criciúma
Foto: Manuela Silva/Câmara de Vereadores
Por Redação Engeplus Em 10/08/2021 às 09:28

Os prejuízos econômicos do município de Criciúma estiveram em discussão na sessão dessa segunda-feira, dia 9, da Câmara de Vereadores. O tema foi pauta da Comissão Especial Temporária sobre a Ação Civil Pública (ACP) do Carvão e estiveram no Legislativo o diretor de Desenvolvimento Econômico de Criciúma, Aldinei Potelecki, a engenheira Katia Smielevski e o diretor de planejamento, Giuliano Colossi.

Conforme Potelecki, não é possível mensurar a quantidade de empreendimentos que estão parados, inviabilizados e até deixaram de ser construídos por conta da ACP do Carvão. “Nós temos algumas construções que já realizaram a recuperação e mesmo com toda documentação comprovando, existe a necessidade de enviar para ao Ministério Público”, destacou. 

Fazem parte da Comissão Especial Temporária da ACP do Carvão no Legislativo de Criciúma os vereadores Márcio Darós (PSDB) (presidente), Julio Kaminski (PSL) (relator), Obadias Benones (Avante) (secretário), Giovana Mondardo (PCdoB), Paulo Ferrarezi (MDB), Miguel Pierini (PP), Manoel Rozeng (DEM), Salésio Lima (PSD) e vereador Jair Alexandre (PL).

Colaboração: Manuela Silva/Câmara de Vereadores