InternetData CenterAssinante

Confira um resumo de todos os eleitos em Santa Catarina e a distribuição de bancadas

MDB segue maior bancada, mas seguido de perto pelo PSL
Por Nícola Martins Em 08/10/2018 às 16:30

Surpreendente? Impactante? Renovadora? Diversas são as formas para identificar a Eleição deste ano no Brasil. Em todas as unidades da federação novos nomes, nova correlação de forças políticas. Abaixo você pode conferir a nova composição dos representantes catarinenses, bem como a formação das bancadas na Assembleia Legislativa e a divisão partidária dos 16 deputados federais catarinenses. Para os dois principais cargos - presidente e governador - teremos segundo turno, mas não como estava sendo imaginado. Comandante Moisés (PSL) surfou o tsunami Jair Bolsonaro em Santa Catarina e, assim como seu presidenciável, chegou ao segundo turno. Ele disputará Gelson Merísio (PSD), enquanto Bolsonaro encarará Fernando Haddad (PT).

No estado, podemos verificar que o MDB, partido que possuía as maiores bancadas na Assembleia Legislativa e na Câmara dos Deputados continua na liderança, mas perdeu representantes. Agora, é seguido de perto pelo PSL. Um dos grandes derrotados dessa eleição é o PSDB, que perdeu um deputado federal, apenas reelegendo Geovânia de Sá, e agora possui somente dois deputados estaduais.

Na Câmara Federal, louvável o trabalho do Partido NOVO, que conseguiu um deputado federal, beneficiado pela nova legislação que trata da não necessidade de atingir o quociente eleitoral para disputar as sobras de vagas. Caso o atual deputado federal João Rodrigues (PSD) consiga fazer com que seus votos sejam válidos - atualmente recorre de condenação por enquadramento da Lei da Ficha Limpa -, o NOVO perderá sua vaga para o PSD, justamente para Rodrigues.

A bancada do Sul na Assembleia Legislativa permaneceu com oito representantes: Julio Garcia (PSD), Felipe Estevão (PSL), Volnei Weber (MDB), Zé Milton (PP), Vampiro (MDB), Ada Faraco De Luca (MDB), Jessé Lopes (PSL) e Rodrigo Minotto (PDT). Já na Câmara dos Deputados, a cadeira do deputado Jorge Boeira foi mantida e o Sul elegeu três deputados federais: Daniel Freitas (PSL), Geovânia de Sá (PSDB) e Ricardo Guidi (PSD)



Leia mais sobre:
Anúncio