InternetData CenterAssinante

Josiani Inês Bombazar: duas décadas dedicadas ao serviço público de Criciúma

Ela foi a primeira mulher criciumense a cursar o Aeroclube Sul Catarinense
Josiani Inês Bombazar: duas décadas dedicadas ao serviço público de Criciúma
Foto: Rafaela Custódio / Portal Engeplus
Por Rafaela Custódio Em 30/01/2020 às 09:48

Qual o seu papel na sociedade? Ajudar as pessoas? Fazer o bem? Josiani Inês Bombazar, de 46 anos, escolheu escrever seu nome na história de Criciúma. Nascida na capital do carvão, ela foi a primeira mulher da cidade a cursar o Aeroclube Sul Catarinense especializado em Escola de Aviação Civil aos 16 anos, fazendo mais de 80 horas de voo ainda adolescente.

Desde pequena, Josiani já chamava a atenção. Logo aos 11 anos recebeu o prêmio “Duque de Caxias”, do 28º Grupo de Artilharia de Campanha (GAC), no concurso de redação municipal. A conquista se repetiu novamente cinco anos mais tarde.

Josiani cursou Direito na Faculdade Unisul, em Tubarão. É pós-graduada em Direito, Políticas Públicas e Cidadania, e Auditoria e Controladoria. “Tudo foi muito rápido na minha vida. Iniciei na aviação por meio do meu pai João Domingos que sempre gostou, porém ele tinha problemas de audição e não conseguia passar nos testes. Por isso, resolvi cursar. Não levei adiante porque não era o meu desejo e, logo em seguida, comecei a faculdade”, lembra. 

Após o término da faculdade, Josiani passou no concurso público para atuar no cargo de Fiscal de Rendas e Tributos na Prefeitura de Criciúma e, desde então, trabalha no local. Lá se vão 20 anos. “Atuei na área da advocacia por seis meses e já passei no concurso. Desde então, não saí mais daqui. Passo oito horas na Prefeitura e me dedico muito para minha função”, comenta. 

Não é apenas um trabalho, e ela pode provar

Josiani ajudou muito a cidade nesses 20 anos de atuação. Ela trabalhou com o Movimento Econômico, cuidando dos repasses de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) e outras receitas até 2003. Após as adequações à Lei de Responsabilidade Fiscal, assumiu o Setor de Dívida Ativa na recuperação de créditos tributários. Desde 2015, é responsável pelos setores de Arrecadação e Dívida Ativa, respondendo solidariamente pelos setores de Alvará e Isenção. 

Em 2015, o trabalho dela foi além de sua sala e ultrapassou as paredes da Prefeitura, isto porque ela criou um projeto para que o município conseguisse receber o dinheiro de pessoas inadimplentes em relação ao Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU). Com o projeto de cobrança via cartório, Criciúma teve aumento de 55% da cobrança de dívida ativa de um ano para o outro. A arrecadação cresceu de R$ 7 milhões para R$ 11 milhões. 

“Por mais que eu tenha ajudado o município e também as pessoas que estavam inadimplentes a pagarem suas dívidas, vejo isso como natural, pois era o meu serviço. Com certeza isso é mais um orgulho para os meus pais do que para mim”, garante. 

Seu projeto na Prefeitura rendeu a ela um convite da Confederação Nacional de Municípios (CNM) para ministrar uma palestra na oficina: Compartilhando Boas Ideias para as Receitas Municipais, na 18ª edição da Marcha a Brasília. “Com o projeto, conseguimos colocar Criciúma entre os 15 municípios do Brasil reconhecidos pela Confederação Nacional de Municípios por práticas inovadoras em gestão municipal, tendo o projeto sido classificado para a segunda etapa e ficado entre as cinco melhores experiências inovadoras implementadas pelos prefeitos e prefeitas nas cinco regiões do país”, pontua. 

Experiência em mais de 50 países 

Português, inglês e italiano são os idiomas em que Josiani é fluente. Já francês e alemão ela estudou e consegue se comunicar se necessário. “Tenho uma amiga na Itália. Nos comunicamos por cartas escritas à mão e isso me ajudou muito a desenvolver o idioma. Já viajei para mais de 50 países como França e Alemanha”, relata. 

A filha de João Domingos Bombazar e Juçara Salute Minotto Bombazar tem dois irmãos: Jean e Jeanderson Bombazar. Casada com Luiz Carlos Dandolini, ela tem uma enteada e dois enteados. “Minha família é tudo para mim. Sou casada há oito anos e meu marido me apoia muito. Meus pais já estão com 70 anos e acompanham ainda minha trajetória do dia a dia no trabalho e também da minha família”, conta. 

“Trabalho há 20 anos pensando nas pessoas que atendo todos os dias. O serviço público muitas vezes não é bem visto, mas garanto que todos estão sempre interessados em fazer o seu melhor e fazer com o público saia satisfeito”. 
Josiani Inês Bombazar
------------------------------------

Cidadania Benemérita

Josiani recebeu uma homenagem em dezembro de 2019 da Câmara de Vereadores. Ela recebeu a menção honrosa de Cidadania Benemérita, que é destinada para pessoas físicas nascidas em Criciúma e que tenham prestado relevantes serviços à cidade. 

“Recebi a homenagem para lembrar meus pais, mas acredito que outras pessoas poderiam receber em meu lugar. Espero cumprir meus deveres dentro das minhas limitações e continuar me dedicando a Prefeitura”, finaliza.