InternetData CenterAssinante

Morre Eno Steiner, aos 74 anos

Ele era portador de fibrose pulmonar idiopática desde 2010
Morre Eno Steiner, aos 74 anos
Por Rafaela Custódio Em 17/02/2020 às 12:05

Morreu na manhã desta segunda-feira, dia 17, Eno Steiner, aos 74 anos. Natural de Forquilhinha, ele era portador de fibrose pulmonar idiopática desde 2010 e estava internado desde sábado, dia 15, no Hospital São João Batista, em Criciúma. 

Steiner era casado com Jeane Rosalina Minatto Steiner, pai de Elke Minatto Steiner e Victor Minatto Steiner e avô de Igor, Caio e Adam. As despedidas iniciam as 19 horas desta segunda-feira no Crematório Millenium, com celebração às 11 horas desta terça-feira, dia 18. 

Ele cursou Administração na Escola Técnica de Comércio de Criciúma. Também concluiu a graduação em Administração na Escola Superior de Administração/ ESAG, UDESC (SC). Inquieto, estudou Direito na Faculdade de Direito Unisul (Tubarão – SC), e fez pós-graduação em Direto Civil pela Unesc em Criciúma. 

História de Steiner 

Atividades profissionais

De 1966 a 1968, foi Secretário do então Prefeito Ruy Hulse;

De 1968 a 1971, foi Secretário do então vice-governador Jorge Konder Bornhausen;

Atuou na Fundação Hospitalar de Santa Catarina em Florianópolis como diretor de análise financeira entre 1971 e 1972;

Diretor do Grupo Cecrisa e empresas do grupo no período de 1972 a 1974 e 1977 a 1997;

Gerente Comercial da Siderúrgica Criciumense, a Sidesa de 1974 a 1977;

Diretor executivo da AMREC entre 2001 e 2013;

Assessor Jurídico da Prefeitura de Nova Veneza (SC), entre 2001 e 2004, na gestão do então prefeito Genésio Spillere;

Foi Secretário da Coordenação de Governo da Prefeitura de Criciúma entre 2014 e 2016, na gestão do então prefeito Marcio Búrigo;

Advogado, sócio do escritório Steiner & Moura Ferro Advogados Associados;

Política Estudantil 

Diretor do Grêmio Estudantil Castro Alves na Escola Técnica de Comércio de Criciúma;

Presidente da União dos Estudantes Secundários (UESC) de Criciúma;

Diretor do Diretório Acadêmico da Escola Superior de Administração e Gerência (ESAG) Florianópolis (SC);

Política Partidária

Eleito Vereador da Câmara Municipal de Criciúma de 1970 a 1973, sendo reeleito de 1977 a 1979, quando foi presidente da casa entre 1977 e 1978;

Eleito Deputado Estadual entre 1979 e 1982, sendo membro da Comissões de Justiça e Viação e Obras;

Vice-líder do PDS na Assembleia Legislativa de Santa Catarina;

Autor do Projeto de Lei para emancipação do hoje Município de Forquilhinha – SC;

Foi presidente do diretório municipal do PPR de Criciúma e fundador do Diretório Microrregional da Bacia;

Carbonífera (Criciúma, Içara, Urussanga, Morro da Fumaça, Nova Veneza e Siderópolis);

Atividades Comunitárias

Membro da Câmara Junior de Criciúma;

Membro da Loja Maçônica Fraternidade Criciumense nº 33;

Membro do Conselho da Unesc;

Membro do Conselho da Credisol.


 

Leia mais sobre: