InternetData CenterAssinante

Pontos a ponderar - A velocidade da Via Expreça (leia antes de xingar)

Várias notas veiculadas nas mídias sociais, reunidas aqui, pra você curtir
Pontos a ponderar - A velocidade da Via Expreça (leia antes de xingar)
Por Aderbal Machado Em 26/02/2020 às 11:26

Colecionei algumas das postagens rápidas que fiz nas mídias sociais - Facebook e Twitter - nos dias passados, principalmente durante este Carnaval, época de reclusão caseira, ante tantas restrições físicas e sociais ($). Um deles o medo da violência e da falta de limites e regras das ruas. Isto é sincero. O carnaval dos velhos tempos morreu.

Mas vamos lá:

UM DOS BONS DOS MEUS BONS TEMPOS DE RÁDIO EM CRICIÚMA

Lendo agora sobre o aniversário do cantor e compositor Paulo Diniz (80 anos), sucesso dos anos 70, com "Pingos de Amor", "E agora José", "Quero voltar pra Bahia", "Um chope pra distrair", "Piri-Piri" e "O meu amor chorou", além de outros. Agradavelmente surpreso ao vê-lo bem e lançando música. Um dos meus ídolos da época. Muitas de suas músicas anunciei nos meus programas da Rádio Eldorado, todas as manhãs.

FASCISMO DE UM LADO, LIBERDADE DE EXPRESSÃO DE OUTRO

Qualquer defesa a favor do governo é fascismo e ataque à democracia. Qualquer ataque ao governo é defesa da democracia e liberdade de opinião. Assim caminha essa humanidade estrita de nossas mídias sociais. Precisamos ter saco de filó, pra não encher.


GENERAIS COM VOZ E SEM VOZ, A FORÇA DA CASERNA

Santos Cruz vocaliza insatisfação de grupo militar, diz Estadão. Ora, a influência dele (uma simpatia de pessoa, né mesmo?) na tropa é próxima de zero. Os que mandam e decidem estão dentro do Palácio do Planalto e nos comandos das forças. Uma lorota pra consumo da mídia raivosa.

DE BOLSONARO, QUEREM O QUE NÃO PODEM QUERER

Querem que Bolsonaro interfira no motim da PM cearense. Ora, ele nem pode mandar exército pra lá sem um pedido formal do governo, o que de fato ocorreu. Não há outra forma de interferir. A responsabilidade é do governo estadual. Por sinal, do PT. Que, por sinal, não resolve coisa alguma. Só reclama.

QUER MUDANÇAS NA POLÍTICA? VOTE BEM NA PRÓXIMA

Nenhuma oportunidade é tão efetiva para aplicar mudanças na política e na gestão dos negócios públicos do que eleição. E a alternância de poder é um processo salutar. Às vezes não dá certo e os resultados são ruins, como no RS, que nunca reelegeu governadores e o estado navega em decadência financeira há décadas. Mas ainda é como a democracia: não é o melhor sistema, exceto todos os demais. Deveria haver limites de reeleição em todos os casos - de fio a pavio.

EXCESSOS E LIMITES NO DEBATE SÃO NORMAIS

Quem está envolto em polêmica, independente de quem seja ou que lado represente, está sujeito às mesmas condições de crítica ou retaliação, lógicas ou não, justas ou não. Assim é na democracia q tanto alardeiam. Vitimismo é outro departamento. Se não sabe brincar, não desce pro play.

LEIS X IMPUNIDADE: FALTA ALGUMA COISA NO CAMINHO ENTRE UMAS E OUTRA

Lei Seca; não funciona. CTB; não funciona. Lei do Desarmamento; não funciona. Código Penal; não funciona. Estatuto do Idoso; não funciona. ECA; não funciona. Lei Maria da Penha; não funciona. Constituição da República; não funciona. Código de Defesa do Consumidor; não funciona. Provas? Acompanhem os fatos do dia a dia ou vivam situações por si mesmos.

DESARMAMENTO FAJUTO

O que tem de notícias de tiros em festas de carnaval, matando e ferindo gente não tá no gibi. Meu consolo é que a lei do desarmamento está em pleno vigor e as armas não são portadas a rodo por aí. Fico imaginando se não houvesse a lei...

CONGRESSO X MENSALÃO

Bom seria que, ao invés de apoiar manifestação contra o Congresso, Bolsonaro oferecesse um mensalão, como fez Lula. Renderia apoios definitivos e nenhuma crítica.

RÁPIDA, PERO NO MUCHO

Em 10 dias, 682 motoristas são multados por excesso de velocidade em Criciúma. Foi na chamada "Via Rápida". Há um limite, claro (100km/h), que precisa ser obedecido, mas é estranho, né não: na Via Rápida não se pode andar rápido...
Aí o Jairo Viana, cidadão de Balneário Camboriú e meu dileto amigo, muito sacana, relembrou que o nome era Via Expressa, mas mudou por causa de alguns detalhes, como a placa mostrada: "Expreça" e abreviatura de Rodovia (Rodov.). Fiz minhas orações pela alma de quem escreveu isso daí. Juro. Desculpem a malvadeza de relembrar.

Delir João Milanezi, amigo e ex-colega de trabalho no escritório da saudosa Companhia Carbonífera Próspera (de 1964 a 1970), repercutiu e comentou matéria publicada aqui sobre a Casan:
Estou compartilhando um texto do meu amigo Aderbal Machado. Vejam esse trecho: "Não é por acaso que, apesar de outros indicadores superiores, o saneamento básico de SC é ruim ou péssimo.Dos 295 municípios de Santa Catarina, apenas 30 têm rede coletora e tratamento de esgoto. O tratamento da Casan abrange apenas 15% segundo pesquisa da Associação Brasileira de Engenharia Sanitária (Abes). O estado é o segundo pior do país, à frente apenas do Piauí". Isso envergonha os catarinenses.
Fiz questão de ir lá e dizer ao Delir e a seus seguidores:
Sabe o que mais me impressiona? Essas informações destacadas por você e retiradas do meu texto são velhas. Uma parte de 2018 e outra parte de 2019 (fevereiro), publicadas aí mesmo pelo site da Rádio Eldorado, em torno do episódio do rompimento ou não do contrato com a Casan. O mais impressionante ainda é que, de lá pra cá, não aconteceu quase nada. Só promessas e "projetos".

E por enquanto é só. Mas lembre:

Todos esses que aí estão / Atravancando meu caminho / Eles passarão / Eu passarinho / (Mario Quintana)

Um amplexo.