Mulher

Cuidados

Alongamento de cílios pode causar infecção nas pálpebras e terçol

Casos relacionados ao alongamento ou uso de cílios postiços têm aumentado

23
AGO
2017
| 18h13
18h13
Redação Engeplus
Jornalista | Portal Engeplus
Escreva para a redação referente a esta matéria
Enviar mensagem

Este contato será envido de modo restrito para o jornalista.
Contribua com a matéria
Dúvidas, sugestões ou contribuições

Não há limites para a vaidade feminina. Uma das novidades que está fazendo a cabeça das mulheres brasileiras é o alongamento dos cílios. Porém, para prevenir problemas nas pálpebras, como a blefarite e o terçol, é preciso tomar certos cuidados.

Segundo a oftalmologista, especialista em cirurgia de pálpelbras e chefe do serviço de plástica ocular da Santa casa de Misericórdia de São Paulo, Tatiana Nahas, o alongamento ou o uso de cílios postiços realmente valoriza o olhar. Entretanto, o primeiro cuidado é escolher um profissional especializado, principalmente quando for para fazer o alongamento.

"No alongamento, os cílios são colocados um a um com uma cola. Esse produto não deve entrar em contato com os olhos e nem com a margem das pálpebras, pois pode causar sérias irritações e alergias", diz a médica.

O mesmo cuidado com a cola deve ser tomado para colocar os cílios postiços, que não devem ficar nos olhos mais do que 24 horas. "Quando a pessoa colocar os cílios postiços deve retirá-los e higienizar muito bem as pálpebras para evitar qualquer contaminação. Essa é uma região muito sensível e sujeita a inflamações", explica a médica.

"Muitas pessoas têm medo de que os cílios caiam e deixam de higienizar corretamente as pálpebras. Isso aumenta o risco de infecções e inflamações, como a blefarite e o terçol, por exemplo. A blefarite é uma inflamação crônica que atinge a raiz dos cílios e é mais comum em pacientes com a pele clara, nos mais jovens - devido à ação dos hormônios - e em pessoas com rosácea ou com dermatite seborreica. Portanto, esse grupo deve ter cuidado redobrado ao usar os cílios postiços ou fazer alongamento", afirma a oftalmologista.

Como fazer a higiene das pálpebras

"A higiene das pálpebras é muito importante e deve ser feita pelo  menos três vezes por semana. Há dois passos básicos: escolher um produto e lavar as pálpebras. Todas as pessoas podem higienizar as pálpebras para prevenir inflamações e infecções, principalmente quem tem a pele mais oleosa e faz uso dos cílios postiços ou fez o alongamento", comenta Tatiana.

Colaboração: Leda Sangiorgio

Leia mais sobre: saude, terçol
Fala Leitor
Se você possui uma sugestão de pauta, artigo ou um fato que deseja noticiar, entre em contato conosco pelo Fala Leitor.
imagens recentes no Portal
Criciúma representa Estado em projeto nacional de modaConheça as etapas da importação dentro do portoFNDE realiza vistoria na Escola Rosalino de NezGiovanna Amboni é a Musa 2018 da Sociedade Recreativa MampitubaAniversariantes neste dia 22/02Mais de duas mil pessoas nas arquibancadas do Majestoso