navegue nos blocos da capa

Mídia

Criciúma

Com baixa audiência e alto custo, TV Câmara deverá sumir

Presidente do Legislativo citou custo de R$ 450 mil com as transmissões em 2016

11
MAR
2017
| 14h31
14h31
Redação Engeplus
Jornalista | Portal Engeplus
Escreva para a redação referente a esta matéria
Enviar mensagem

Este contato será envido de modo restrito para o jornalista.
Contribua com a matéria
Dúvidas, sugestões ou contribuições
Divulgação

“A TV Câmara tem a tendência de sumir”. É o que diz o presidente do Legislativo, vereador Júlio Colombo (PSB), à jornalista Karina Manarin. Ele cita uma despesa em 2016 de R$ 450 mil para uma audiência baixa.

Colombo rebate, ainda, comparações entre os gastos da Câmara e a arrecadação de IPTU em Criciúma, criticando a ineficiência na cobrança de impostos. Confira entrevista completa com o vereador no Blog Karina Manarin.

Leia mais sobre:
Fala Leitor
Se você possui uma sugestão de pauta, artigo ou um fato que deseja noticiar, entre em contato conosco pelo Fala Leitor.
imagens recentes no Portal
Paróquia Imaculado Coração de Maria em Jantar FestivoPela primeira vez, um cardeal celebra na regiãoUm Santuário que é uma aula de catequeseDois bispos e um sonho de muitos anosGoleada de Beto Cachoeira e do MetroAlimentar os peregrinos do Sagrado Coração é preciso