navegue nos blocos da capa

Mídia

Criciúma

Com baixa audiência e alto custo, TV Câmara deverá sumir

Presidente do Legislativo citou custo de R$ 450 mil com as transmissões em 2016

11
MAR
2017
| 14h31
14h31
Redação Engeplus
Jornalista | Portal Engeplus
Escreva para a redação referente a esta matéria
Enviar mensagem

Este contato será envido de modo restrito para o jornalista.
Contribua com a matéria
Dúvidas, sugestões ou contribuições
Divulgação

“A TV Câmara tem a tendência de sumir”. É o que diz o presidente do Legislativo, vereador Júlio Colombo (PSB), à jornalista Karina Manarin. Ele cita uma despesa em 2016 de R$ 450 mil para uma audiência baixa.

Colombo rebate, ainda, comparações entre os gastos da Câmara e a arrecadação de IPTU em Criciúma, criticando a ineficiência na cobrança de impostos. Confira entrevista completa com o vereador no Blog Karina Manarin.

Leia mais sobre:
Fala Leitor
Se você possui uma sugestão de pauta, artigo ou um fato que deseja noticiar, entre em contato conosco pelo Fala Leitor.
imagens recentes no Portal
Colcha feita a 'Mil mãos' é arrematada em R$ 9 milSócios-torcedores de Santa Catarina têm promoção especial de cervejaCoach Fabiana Izidoro desenvolve analise comportamental junto ao NTINota de falecimento: Maria de Arlete Machado, de 78 anosPrefeito e promotor divergem sobre venda de terrenosSabrina Parlatore fala sobre câncer de mama em evento gratuito