navegue nos blocos da capa

Leituras & Cia

criciúma

Vencendo desafios e ultrapassando barreiras, escritora inspira alunos

01
NOV
2017
| 09h32
09h32
Douglas Saviato
Jornalista | Portal Engeplus
Escreva para a redação referente a esta matéria
Enviar mensagem

Este contato será envido de modo restrito para o jornalista.
Contribua com a matéria
Dúvidas, sugestões ou contribuições

A semente para a realização dos mais variados sonhos foi plantada nesta terça-feira, dia 31, na Escola de Educação Básica Rubens de Arruda Ramos, em Criciúma. Durante todo o dia, dezenas de alunos tiveram a oportunidade de conhecer de perto a escritora e acadêmica Beatriz Sônego Zanette e tirar de seus desafios superados a inspiração para a busca pelos seus objetivos. A ação encerrou a Semana Literária da instituição, que escolheu a própria jovem criciumense como tema do evento.

De acordo com a diretora geral da escola, Eli Dal Magro Nuremberg, a ideia foi proposta em um encontro no início do ano letivo e abraçada por muitas disciplinas. “A obra e história dela nos levou a pesquisar sobre outras histórias de superação, além de envolver disciplinas como Língua Portuguesa e até Ciências. Todos se envolveram com o projeto”, comenta.

Para Eli, a história de desafios de Beatriz deve servir de lição em muitos sentidos. “Ela está aqui para nos mostrar que quando temos um sonho precisamos persistir e acreditar. A vida não é fácil para ninguém, mas de um limão podemos fazer uma limonada. Isso é o lado bonito da vida, a essência humana de ir atrás do que queremos”, afirmou aos alunos.

O feedback dos educandos, para a diretora, foi muito positivo. “Despertou diversos sentimentos neles. Podemos dizer que temos alunos muito especiais e eles souberam aproveitar essa oportunidade de poder ver de perto e até fazer perguntas sobre a vida e o trabalho dela, sobrem quem já vinham estudando em sala de aula”, completou.

Aprendizado concluído

As amigas Maria Eduarda Souza de Barros, de 11 anos, e Kailane Rocha Angelo, de 13 anos, fizeram questão de abraçar e tirar uma foto como recordação com Beatriz, sua nova inspiração.

“Fiquei muito emocionada em ouvir tudo isso e ainda poder dar um abraço nela. Essa oportunidade de fazer perguntas de pertinho foi muito especial”, disse Maria Eduarda.

Para Kailane, a lição deixada é simples, mas faz muito sentido quando transmitida por um exemplo como Beatriz. “Com certeza saímos com o aprendizado de que, mesmo com toda a dificuldade, não podemos nos estregar e desistir do que buscamos. Ela prova que é possível”, declarou.

Todo carinho recebido foi agradecido pela jovem escritora, que garante que este dia ficará guardado para sempre em sua memória como mais um grande passo em sua carreira.

Conheça a história

Beatriz Sônego Zanette tem 21 anos e lançou, em 2016, o livro “O diário de uma torcedora”, na qual conta a história de amigos que vivem um enredo vivido em Criciúma e que tem como um dos focos o clube da cidade.

Tal feito é considerado uma grande prova de superação, já que a jovem possui limitações motoras e na fala por conta de uma grave encefalite que teve ainda quando bebê. Beatriz é apaixonada por livros desde a infância e atualmente cursa a faculdade de Letras na Unesc. Ela finaliza a graduação em 2018, quando promete iniciar o sonho de ser professora.

Colaboração: Mayara Cardoso

Leia mais sobre:
Fala Leitor
Se você possui uma sugestão de pauta, artigo ou um fato que deseja noticiar, entre em contato conosco pelo Fala Leitor.
imagens recentes no Portal
Studio Voga promove a magia com Espetáculo Velha InfânciaA excelência dos vinhos da serra catarinense e da gastronomia à mesaNovos serviços ou até venda no futuro do ComplexoO alto risco de não ter TV no Catarinense 2018Tarde de orientação e prevenção aos agricultoresAlça do Anel Viário com asfalto só em 2018