InternetData CenterAssinante

Montadoras de veículos engajadas no combate ao Covid-19

Principais marcas atuantes no Brasil participam de ações contra o coronavírus
Montadoras de veículos engajadas no combate ao Covid-19
Foto: Leo Lara/Divulgação/FCA PRESS
Por Vinícius Alexandre Em 09/04/2020 às 20:26

A epidemia de coronavírus (Covid-19) que preocupa o mundo todo chegou pra valer também aqui no Brasil. Diante da incontestável necessidade de contribuição de todos os setores, as montadoras de veículos também começam a reforçar as suas ações de responsabilidade social visando contribuir no combate ao vírus.

A FCA, responsável pelas marcas Fiat e Jeep, cedeu a área do Fiat Clube em Betim para a instalação de um hospital de campanha, que já entrou em funcionamento com mais de 120 leitos de enfermaria e também participa da instalação de outro hospital na cidade de Goiana (PE). Além disso, a empresa também fez a doação de duas ambulâncias para as cidades de Betim (MG) e Goiana (PE), onde estão instaladas as suas fábricas, além de ter entregado 10 veículos em regime de comodato para a Prefeitura de Betim (MG) e 120 protetores faciais para o Hospital João XXIII (de um total de 2 mil - que devem ser entregues em outras instituições de saúde). Ainda contribui no reparo de respiradores mecânicos inoperantes e com a doação de materiais de proteção.

A Ford do Brasil está ajudando na recuperação de respiradores mecânicos, além de emprestar veículos para a Cruz Vermelha e também produzir cerca de 50 mil máscaras faciais.

A General Motors, responsável pela marca Chevrolet, ajuda com a doação de cestas de alimentos e produtos de higiene, equipamentos de proteção individual e também contribui com a recuperação de respiradores e empréstimo de veículos.

A Honda participa do desenvolvimento de respiradores artificiais através da Honda Motos, enquanto a Honda Automóveis auxilia no reparo de respiradores inoperantes.

A Hyundai fez a doação de equipamentos de proteção individual, emprestou veículos para a Prefeitura de Piracicaba (SP) e ajuda no transporte de profissionais de saúde com seus veículos da frota de testdrive.

A Mercedes-benz, em parceria com o Instituto Mauá de Tecnologia e Universidade de São Paulo, participa do desenvolvimento e produção de novos respiradores para serem destinados a hospitais no estado de São Paulo, bem como está produzindo máscaras faciais para distribuição aos órgãos de saúde.

O Grupo PSA, responsável pelas marcas Peugeot e Citroen, colabora com a produção e distribuição de máscaras faciais.

A Renault atua com a produção de máscaras faciais, empréstimo de veículos para a Defesa Civil do Paraná, reparo de respiradores inoperantes e também realizando reparos em ambulâncias inoperantes e manutenção gratuitas daquelas em operação.

A Toyota do Brasil auxilia no reparo de respiradores e também efetuou a doação de quatro ambulâncias e 30 mil frascos de álcool gel para o estado de São Paulo.

Já a Volkswagen do Brasil doou duas mil máscaras e emprestou cerca de 100 veículos para órgãos de saúde, além de fornecer mão de obra gratuita no reparo de veículos da marca, pertencentes às secretarias de saúde de São Paulo e Paraná, com peças vendidas a preço de custo.

Como se vê, as principais montadoras do país estão se engajando e assumindo responsabilidades perante a sociedade brasileira. Que essa contribuição seja ampliada e também sirva de exemplo para outros setores da indústria.

Com solidariedade, juntos, vamos superar o Covid-19.

Com informações das redes sociais oficiais e assessorias de imprensa das montadoras.