InternetData CenterAssinante

LIDE SC reúne forças produtivas para valorizar o papel transformador da educação de SC

Evento foi realizado no Auditório da Unisul Continente.
LIDE SC reúne forças produtivas para valorizar o papel transformador da educação de SC
Foto: José Somensi
Por Redação Engeplus Em 15/09/2021 às 17:29

Referência na articulação com diferentes setores da economia para impulsionar o desenvolvimento estadual, o LIDE SC – Grupo de Líderes Empresariais de Santa Catarina - consolida mais uma frente de atuação e passa a contribuir com uma educação de nível superior mais sintonizada às demandas da sociedade atual, lançando, na tarde desta terça-feira, dia 14, o movimento "Educação para o Futuro". 

A iniciativa foi marcada pela presença de representantes da imprensa estadual, autoridades, gestores e demais integrantes da força produtiva catarinense e nacional. Segundo Daniel Castanho, presidente do Conselho do Ecossistema Ânima Educação, o maior e mais inovador ecossistema de educação de qualidade do Brasil, detentor da HSM University, da Singularity University Brazil (corporação do Vale do Silício) e da qual a UniSul faz parte, “a revolução que precisa acontecer no Brasil se dará a partir de nano-revoluções que criem ecossistemas regionais”. 

"Santa Catarina tem isso no seu DNA. Há muitos anos, o estado criou um sistema de universidades que foi o grande alicerce de seu desenvolvimento. Com este movimento, vamos conectar as empresas, o governo local, as escolas públicas e privadas, as universidades públicas e privadas, as startups, as ONGs e todos que entendam que Educação não é prioridade, é premissa”, completa. 

O presidente do LIDE SC, Delton Batista, observa que o movimento, ao lado de outras iniciativas da entidade, como o Projeto Resgate, o Fundo Catarina e o Estímulo 2020, fortalece o desenvolvimento econômico e social, além de possibilitar a capacitação de profissionais para atuarem com sucesso em um mercado de trabalho que está em constante evolução.  

“O encontro celebrou a união de diferentes forças em prol de uma educação capaz de transformar organizações e gerar desenvolvimento socioeconômico. Foi um passo inicial rumo a uma série de medidas que serão implementadas para auxiliar nosso Estado a enfrentar desafios oriundos da nova economia, que requer um trabalho em conjunto entre iniciativa privada, entidades associativistas e poder público”.

Em sua apresentação sobre cidades inteligentes, o CEO da Weber Empreendimentos, Fernando Weber, destacou a importância do planejamento de uma infraestrutura desenvolvida para a geração de atividades econômicas e com sustentabilidade. “É preciso colocar os tijolos pensando em como eles estarão a serviço da sociedade”, ilustrou.  Durante o evento, a Weber e Feba Capital assinaram uma joint-venture para alocar R$ 10 milhões em investimentos para fomento e aceleração de startups a serem instaladas no Polo Tecnológico Cidade Universitária. 

Em Araranguá, a Weber Empreendimentos está implantando o Bairro Cidade Universitária, o primeiro ecossistema de transformação e tecnologia do Brasil. Inspirado nas práticas atuais de cidades inteligentes, o empreendimento está organizado de forma a promover o desenvolvimento da região a partir de uma estrutura sustentável e que ofereça qualidade de vida aos moradores. 

O projeto já dispõe de um polo de inovação e tecnologia para o fomento de startups e negócios relacionados à inovação. “Faz todo sentido participarmos deste programa, pois o futuro se fará com o envolvimento direto do empresariado nas iniciativas de educação”, afirmou o executivo.

O diretor de Tecnologia e Inovação da Teltec Solutions, Cesar Schmitzhaus, destacou em seu painel “Como inovações tecnológicas ajudam a maximizar a aprendizagem no Brasil”, a dependência positiva que um país deve ter em relação à educação, que também é reflexo do desenvolvimento social e do crescimento da economia para que possa ser eficaz desde o ensino fundamental até a capacitação profissional. 

“No atual cenário pós-pandemia, com o novo modelo de trabalho híbrido e a acelerada transformação digital das empresas, os profissionais de tecnologia correm contra o tempo para maior capacitação e formação de nova força de trabalho, a fim de atenderem às oportunidades e demandas do mercado corporativo e em superar a escassez de mão de obra”, avaliou o executivo. Diante dessa conjuntura, a Teltec Solutions pretende incentivar atividades de investimento para potencializar talentos e o desenvolvimento do setor de tecnologia, bem como disseminar conhecimentos.

Luciano Cacace, diretor-geral da UniSul Região Sul, destaca que nos próximos meses a instituição promoverá uma série de ações, como disponibilização de conteúdos educacionais, capacitações e eventos para contribuir com a formação de profissionais do Estado. “Nossa proposta é movimentar pessoas e a cadeia produtiva para colaborar com a educação e o desenvolvimento econômico de Santa Catarina”, observa.  

Já apoiam o movimento a AsQ Mind, escola de conteúdos e capacitação do segmento de saúde e bem-estar; NKey, empresa de design e desenvolvimento de soluções digitais e projetos de tecnologia para o mercado corporativo, atividade com alta demanda de profissionais qualificados; Sapiens Parque, maior parque tecnológico e de inovação do país; e a PsicoSoma, empresa portuguesa especializada em neuroeducação e formação profissional.

Colaboração: Assessoria de Imprensa -  Larissa Linhares 

Leia mais sobre: