InternetData CenterAssinante

Frio deve se intensificar na noite de hoje; confira a galeria com registro de neve no Estado

Frio não foi suficiente para bater o recorde de temperatura negativa no estado
Frio deve se intensificar na noite de hoje; confira a galeria com registro de neve no Estado
Foto: Mycchel Legnaghi/Prefeitura de São Joaquim
Por Thiago Hockmüller Em 29/07/2021 às 13:28

A madrugada fria com registro de neve na região serrana e também no Sul fez a alegria de turistas em Santa Catarina. No Costão da Serra, em municípios como Timbé do Sul, Praia Grande, Jacinto Machado e até mesmo em Nova Veneza houve registro de neve. Na Serra, teve em diversas cidades, como São Joaquim, Urupema e Bom Jardim da Serra.

De acordo com o climatologista da Epagri, Márcio Sônego, o frio não foi suficiente para bater o recorde de temperatura negativa no estado. Na Região Carbonífera, a marca é de Urussanga, no longínquo 31 de julho de 1955. “Foi em um domingo, deu -4,6°C em Urussanga. Depois disso, no ano 2000, deu -2,5°C, e em 2016, -1°C. Em Criciúma só temos registros desde 2009. Neste ano em Criciúma a menor foi semana passada, 1°C na terça, dia 20. Amanhã acho que vai bater essa marca”, explica.

Sônego também explica que a chuva fina registrada no final da noite de ontem em Criciúma nada mais é que neve derretida. “A menor temperatura da região deu 0,1°C em Urussanga com geada, amanheceu tudo branco na estação da Epagri. Deu 0,2°C em Timbé do Sul. Na Serra da Rocinha deu neve, assim como em todo o Costão desde a Praia Grande, Jacinto Machado, Timbé do Sul, todos em locais acima de 1000 metros", conta. 

Aqui em Criciúma, umas 22 horas, aquela chuva muito fraca era neve derretida. Ela cai como neve, mas se não tem nada e continua caindo até próximo do (nível) mar, vem derretendo, por isso que no Costão de Serra, acima de 1000 metros, teve neve.

Márcio Sônego, climatologista da Epagri
______

O frio deve se intensificar entre a noite de hoje e a madrugada desta sexta-feira, inclusive provocando geada mais intensa. A expectativa é que a temperatura caia 1°C por hora entre o anoitecer de hoje e o início da madrugada. Depois, até o amanhecer de sexta, a tendência é que caia meio grau por hora.

O frio mais rigoroso intensifica o alerta no campo para cultivos sensíveis, como pitaya, maracujá, morango e banana. “Hoje a noite o vento para. Ele evitou a formação de geada mais forte. A noite de quinta e amanhecer de sexta a geada vai ser mais ampla, pode marcar -1°C, e ser perigoso para várias atividades, mais para a bananicultura. Será uma noite perigosa para a agricultura sensível”, alerta Sônego.

Confira a galeria de fotos: