InternetData CenterAssinante

Unimed confirma o primeiro caso de coronavírus em Criciúma

Paciente é uma mulher de 37 anos e está sob isolamento e tratamento domiciliar
Unimed confirma o primeiro caso de coronavírus em Criciúma
Por Thiago Hockmüller Em 20/03/2020 às 09:33

Está confirmado o primeiro caso de coronavírus em Criciúma. A paciente é uma mulher de 37 anos com histórico de viagem para Orlando, nos Estados Unidos. Ela realizou exame na Unimed no último dia 16. A coleta foi encaminhada ao Laboratório Central de Saúde Pública de Santa Catarina (Lacen), que comunicou nesta sexta-feira, dia 20, o quadro confirmado para a Secretaria de Saúde do município. 

De acordo com a Unimed, a paciente está sob tratamento e isolamento domiciliar. No hospital da Unimed ainda estão outros três pacientes internados, todos sob suspeita e aguardando o resultado das coletas encaminhadas para o Lacen.

Segundo a Secretaria de Saúde de Criciúma, o município já vinha se preparando para receber confirmações e trabalhando no nível três de prevenção, ou seja, como se já estivesse com pelo menos um caso confirmado e o vírus circulando. 

O prefeito Clésio Salvaro falou sobre caso e voltou a pedir que as pessoas permaneçam em regime de quarentena. "A paciente está bem e em casa. Sabíamos que teríamos algum caso em Criciúma. Pedimos que as pessoas fiquem em casa. Não temos remédios e vacinas para o vírus. Permaneça em casa, pois não é férias", ponderou.

Com este caso, a região Sul conta com 10 pacientes infectados pela covid-19. São outros quatro em Braço do Norte, três em Tubarão e dois em Imbituba. Já em Santa Catarina, agora são 22 casos confirmados de coronavírus.