InternetData CenterAssinante

Prefeitura lança pacote de ações para reativar o comércio local

Supera Criciúma é um programa com quatro ferramentas para reaquecer a economia
Prefeitura lança pacote de ações para reativar o comércio local
Foto: Divulgação
Por Thiago Hockmüller Em 03/04/2020 às 10:58

A Prefeitura lançou na manhã desta sexta-feira, dia 3, o programa Supera Criciúma. A ferramenta é um pacote de ações para movimentar a economia local e também estimular a orientação sobre programas de socorro promovidos pelos governos municipal, estadual e federal.

Dentro do pacote Supera Criciúma, estão quatro ferramentas disponibilizadas: a) Compre Digital do Comércio Local; b) parceria com o Sebrae para capacitar empreendedores diante do desafio da retomada econômica; c) Rede de Mentores Voluntários; e d) SOS Empreendedor. 

“O Supera Criciúma vai servir de guarda-chuva para várias ações e ajudar os empreendedores a superar esse momento de crise, que não é só da prefeitura e das pessoas, é das empresas também”, pondera o diretor de Desenvolvimento Econômico da Prefeitura de Criciúma, vinculado a Secretaria da Fazenda, Claiton Pacheco.

Dentro do programa, em breve a Prefeitura deve distribuir uma cartilha explicando ações do município nas áreas da saúde e economia. Por exemplo, será informado como acessar a prorrogação de impostos, como Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU), Imposto Sobre Serviços (ISS), alvarás e licenças.

“Toda a economia está parada em função do problema com o coronavírus e a prefeitura não se furtou a esses movimentos. E tem procurado identificar formas de movimentar a economia mesmo com a crise da área da saúde”, justifica Pacheco.

Compre digital do comércio local 

Em termos de movimentação econômica, esta é a principal ferramenta lançada dentro do pacote Supera Criciúma e funciona em uma parceria com a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e os aplicativos Tô Pedindo e MOP.

A ideia é fazer com que lojas físicas operem também no ambiente virtual, sem custo neste primeiro momento. “Percebemos que o lojista precisa aprender e inovar. Que ele comece a entrar no mundo digital. Isso será muito importante para a economia e esperamos que este produto seja algo muito bom para o lojista”, explica o diretor de Inovação da CDL, Tiago Marangoni.

O Tô Pedindo é um aplicativo que oferece opções de restaurantes para delivery. Com a participação no Compre Digital, a plataforma será disponibilizada para outras atividades. Basta entrar no site topedindo.com.br/comprelocal, responder um questionário e realizar o cadastro de produtos. A plataforma é intuitiva para que o lojista entenda como usá-la.

A entrega

A recomendação é que os lojistas ofereçam produtos com bastante estoque, sobretudo aqueles que são considerados essenciais neste momento de combate ao coronavírus.

A plataforma Tô Pedindo também oferece benefícios para clientes cadastrados. “Estamos dando um benefício muito grande, que é realmente uma troca. São 90 dias sem custo no Tô Pedindo. Então qualquer venda que sair dentro do aplicativo não terá custo”, explica Luis Felipe Cardoso Fabris, representante da plataforma Tô Pedindo.

Esta gratuidade será estendida para os clientes atuais. A entrega de todos os produtos podem ser feitas pelo aplicativo de transporte MOP, que não cobrará taxas e o valor da corrida será destinado integralmente ao motorista. Também existe a possibilidade do próprio lojista providenciar a entrega.  

“O objetivo é movimentar o comércio de Criciúma para que as lojas, mesmo fechadas, possam faturar e manter o mínimo de recursos em seus caixas. É levar lojas e empresas de serviços físicos, com endereço  físico, para o ambiente digital sem ter custos neste momento”, argumenta Pacheco.

Outras ferramentas

Nas ações divulgadas pela prefeitura, também está uma parceria com o Sebrae para o desenvolvimento de cursos online com o objetivo de preparar comerciantes para a retomada da economia. E também entender como resolver os problemas dentro do seus negócios. 

“Tem ainda a Rede de Mentores Voluntários que convoca você que é empresário, gestor, executivo, profissional liberal, consultor, você que tem conhecimento sobre a área de negócios. Para que contribua ajudando micro e pequenos empresários a melhorarem seus negócios e sobreviverem à crise que estamos vivendo”, comenta Pacheco.

Por fim, dentro do guarda-chuva do programa Supera Criciúma, está o SOS Empreendedor. Nesta ação, comerciantes, empresários e profissionais liberais poderão acessar informações referentes a empréstimos, financiamentos, vantagens e benefícios criados pelos governos estadual, municipal e federal.

Para mais informações, basta acionar a Casa do Empreendedor pelo telefone (48) 3431-0480 ou acessar o site casadoempreendedor.criciuma.sc.gov.br.