InternetData CenterAssinante

Os mais modernos equipamentos de artilharia do Exército Brasileiro estão em Criciúma

Militares farão treinamento com Sistema Astros no RS e passaram pelo Sul catarinense
Os mais modernos equipamentos de artilharia do Exército Brasileiro estão em Criciúma
Foto: Lucas Renan Domingos/Portal Engeplus
Por Lucas Renan Domingos Em 11/11/2020 às 19:25

Formosa (GO) é onde está instalado o 16º Grupo de Mísseis e Foguetes (16º GMF) do Exército Brasileiro. É lá que ficam as viaturas com as mais avançadas tecnologias de artilharia do Brasil. Mas estes equipamentos estão em Criciúma nesta quarta-feira, dia 11.

Quem passou pela Via Rápida por volta das 16 horas de hoje se deparou com carretas estacionadas em uma das pistas carregando caminhões lançadores de mísseis e foguetes. "Essas viaturas fazem parte do Sistema Astros, do Comando de Artilharia do Exército Brasileiro. É o que temos de mais moderno em artilharia de defesa”, afirmou o capitão do 28ª Grupo de Artilharia de Campanha (28º GAC), Wesley Ferreira.

O comboio está no quarto dia de um total de seis de viagem entre os Estados de Goiás e Rio Grande do Sul. “O Exército Brasileiro utiliza muito o 28º GAC como ponto estratégico nesses deslocamentos. Como é próximo da BR-101, somos local para comboios realizarem reabastecimento, alimentação e pernoitar”, destacou o capitão.

Eles seguirão viagem nesta quinta-feira, dia 12, tendo como destino a localidade de Saicã, em Rosário do Sul, no Rio Grande do Sul. “Eles realizarão exercícios para treinamento de pessoal para emprego deste material em atividades operacionais, principalmente de guerra. É um poder de fogo altíssimo", afirmou Ferreira. Conforme o Exército Brasileiro, os mísseis e foguetes lançados pelo Sistema Astros podem alcançar mais de 300 quilômetros de distância.