InternetData CenterAssinante

'Não vou correr o risco de ser o prefeito vilão', diz Murialdo sobre descumprimento de quarentena

Prefeito de Içara afirmou que continuará seguindo o decreto do governador do Estado
'Não vou correr o risco de ser o prefeito vilão', diz Murialdo sobre descumprimento de quarentena
Foto: Thiago Hockmüller/Portal Engeplus
Por Rafaela Custódio Em 05/04/2020 às 12:06

O prefeito de Içara, Murialdo Canto Gastaldon, segue buscando alternativas para ajudar às famílias em vulnerabilidade social e também para que a economia do município não sofra tanto com o impacto da pandemia do coronavírus. O chefe do Poder Executivo garante que continuará seguindo o decreto do governador de Santa Catarina, Carlos Moisés. 

O município criou dois projetos para ajudar a população. O primeiro foi o ‘Vale Superação’, onde as famílias que estão cadastradas em programas sociais do município e do governo estadual e federal farão parte da ação. Cerca de 1,6 mil famílias receberão dois vales um no valor de R$ 100 para alimentação e outro de R$ 20 para produtos de higiene e limpeza. As pessoas receberão os valores a cada 15 dias. 

Já a segunda ação iniciou nesse sábado, dia 4. O projeto ‘Superação’, que conta com ajuda da população, envolve profissionais da Prefeitura de Içara, Polícia Militar, Defesa Civil, Vigilância Sanitária, Agentes de Trânsito e Corpo de Bombeiros. A comitiva passará nos bairros e receberá doações de alimentos. A iniciativa visa atender famílias carentes e formadas por profissionais autônomos e diaristas.

“Para as famílias que não estão vinculadas aos programas sociais, como autônomos, diaristas e profissionais que atuam em salões de beleza, estamos pedindo apoio para a população. Nós estamos com a Secretaria de Assistência Social conversando com os presidente dos bairros. A intenção é o povo ajudando o povo. A campanha já arrecadou 4,5 toneladas de alimentos até o momento”, comenta o prefeito. 

Içara continuará seguindo o decreto do governador 

O chefe do Poder Executivo de Içara confirma que o município continuará seguindo o decreto do governador do Estado, Carlos Moisés, e não abre nada nesta segunda-feira, dia 6. “Se Moisés falar que a partir de quarta, será a partir de quarta. Quem tem as informações mais precisas e seguras, mais robustas em relação às estatísticas, a evolução da pandemia é o Estado. Os melhores cientistas de Santa Catarina estão lá [com o governador] e vamos nos orientar por lá”, relata. 

Gastaldon afirma que não quer perder todo o trabalho realizado até agora, ou seja, não pode tomar uma decisão de liberar tudo na cidade e a pandemia do coronavírus evoluir no município. Por isso, seguirá as orientações do governo de Santa Catarina. “Não vou correr o risco de ser o prefeito vilão. Não temos como pedir desculpas para cadáver”, declara.  

Paciente do Hospital São Donato faleceu no sábado

O prefeito de Içara lamentou a morte de um homem, de 32 anos, que estava internado na Unidade de terapia intensiva (UTI) do Hospital São Donato (HSD). Ele era morador de São Ludgero, mas foi encaminhado à Capital do Mel pelo município de Braço do Norte. 

“Eu estava acompanhando todos os dias o caso do homem que faleceu. Tinha a expectativa que ele recebesse alta, acreditava que ele sairia de tudo isso. O quadro dele evoluiu, mas depois piorou, é muito triste”, afirma. “É um alerta de novo. Ele tinha 32 anos e não estava no grupo de risco. É triste e a preocupação é real”, acrescenta.

Coronavírus em Içara: qual a situação? 

O último boletim da Vigilância Epidemiológica de Içara afirmou que segue um paciente confirmado com Covid-19. O município ainda monitora 47 pessoas, 13 casos são suspeitos e tiveram exame encaminhado ao Laboratório Central de Saúde Pública de Santa Catarina (LACEN), 15 pacientes tiveram o teste negativo, 52 pessoas tiveram alta de monitoramento. 

“Aparentemente, está tudo sob controle com tendência de queda. Tem menos pessoas suspeitas. Nós sabemos que essa situação vai mudar. Içara não é uma ilha, temos que estar preparados psicologicamente e por isso estamos buscando ajudá-las com alimentos e de outras maneiras”, pontua. 

Serviços de seguro-desemprego e entrega de carteira de identidade

Os serviços de seguro-desemprego e entrega de carteira de identidade vão começar a funcionar a partir da próxima segunda-feira, dia 6, em Içara. Os interessados no atendimento devem procurar a agência do Sine.

Funcionários estarão orientando a população que comparecer no local a manter as distâncias recomendadas para continuar no combate ao coronavírus. A emissão de RG não será realizado neste período.O Sine de Içara volta a funcionar das 8h às 12h e das 13h às 17h na rua Altamiro Guimarães, no edifício Furlan. 

Horário de recolhimento dos alimentos em Içara: projeto Superação 

06/04 - SEGUNDA - FEIRA

 8h às 12h - 1 de Maio - Jussara 

14h às 18h- Vila Nova  

07/04 - TERÇA-FEIRA

8h às 12h - Aurora - Barracão 

14h às 18h - Boa Vista

08/04 – QUARTA-FEIRA

8h às 12h Presidente Vargas - Planalto

14h às 18h - Marili - Liri 

09/04 - QUINTA-FEIRA

8h às 12h Demboski e Nossa Senhora de Fatima

14h às 18h - Jardim Silvana - Tereza Cristina

10/04 - SEXTA-FEIRA

8h às 12h - Jaqueline e Jardim Elizabete

14h às 18h - Raichaski