InternetData CenterAssinante

Médicos serão suporte às UBSs das regiões de Criciúma

Cada médico será responsável por uma região no monitoramento de casos de coronavírus
Médicos serão suporte às UBSs das regiões de Criciúma
Foto: Ana de Mattia/Decom
Por Redação Engeplus Em 06/08/2020 às 11:22

Os coordenadores da Secretaria Municipal de Saúde promoveram uma reunião para apresentar as atualizações do combate à Covid-19 para os médicos e enfermeiros das Unidades Básica de Saúde (UBSs) no município. Após a descentralização dos atendimentos nos locais, a outra mudança será a colocação de um médico responsável para cada região de Criciúma como apoio no monitoramento de casos de coronavírus nas unidades. O encontro ocorreu no Salão Ouro Negro, no Paço Municipal Marcos Rovaris.

Conforme o secretário municipal da Saúde, Acélio Casagrande, essa mudança é para apoiar os profissionais das UBSs. “Serão cinco médicos responsáveis por cada região de Criciúma. É uma maneira de sanar as dúvidas dos nossos profissionais da ponta sobre os protocolos de uma maneira mais eficaz. E ser um suporte também para essas regiões”, completou. O trabalho também será realizado, nas cinco regiões, na fiscalização da Vigilância Sanitária.

As regiões são Próspera, Centro, Rio Maina, Santa Luzia e Boa Vista. Outros assuntos foi a avaliação do quadro atual do coronavírus em Criciúma, intensificação da fiscalização da Vigilância Sanitária e feedback das novas medidas de atendimento.

Descentralização dos atendimentos

Na semana passada, a Secretaria de Saúde implantou uma nova forma de atendimentos nas UBSs. Os locais estão atendendo pacientes com suspeita da Covid-19 e realizando o monitoramento de casos por região. A medida foi para diminuir a circulação de pessoas nesses locais.

Colaboração: Ana de Mattia/Departamento de Comunicação da Prefeitura de Criciúma