InternetData CenterAssinante

Marietta: novo espaço de arte e café é inaugurado em Içara

Além da cafeteria, artistas de toda a região podem expor seus trabalhos no local
Marietta: novo espaço de arte e café é inaugurado em Içara
Por Redação Engeplus Em 04/06/2020 às 11:25

Arte, café e cerveja em um só lugar. Essa é a proposta do novo espaço recentemente inaugurado em Içara, o Marietta Arte e Café.

O empreendimento, localizado no bairro Primeiro de Maio, próximo à Prefeitura, nasceu da união do gosto pela arte com o desejo de empreender do psicólogo e analista de artes Sérgio Leonardo Gobbi, e de sua companheira, a cantora Marina Bitencourt Pagani.  O nome é inspirado na pintora italiana Marietta Robusti.  

“Sempre trabalhei por conta própria e com administração de comidas e bebidas, trazendo na bagagem aprendizados sobre como gerenciar empreendimentos. A Marietta é a junção de coisas que são nossas paixões: café e cerveja, aliados à arte”, explicou Marina.

O espaço, aberto para artistas exporem seus trabalhos, também abriga peças de antiquário, tendo como decorações esculturas de Julien Caussé, Ferdinando Vichi e da Companhia das Índias Ocidentais. Todas estão à venda. “Eu sempre quis trabalhar com arte. O antiquário é composto por peças que já tinha em casa, e outras que foram adquiridas ao longo do tempo. Sem contar que, fora a universidade, não temos um local onde os artistas possam expor seus trabalhos na região”, explicou Gobbi.

“Arte é para ser vivenciada”

Para Gobbi, a arte não foi feita para ficar em casa. “Eu desejo que os artistas realmente possam ser incentivados a expor seus trabalhos e que se apropriem do espaço Marietta, pois arte é para ser vivenciada, e, afinal, café também é arte”, frisou.

O café servido no espaço, bourboun amarelo, é distribuído pela marca Ana Terra. Já o cardápio de comidas, doces e salgadas, foi inspirado nos anos 70, sendo que o casal adaptou os pratos da época à realidade atual.  “Para chegarmos ao nosso cardápio, pesquisamos inspirações de receitas na enciclopédia “Bom apetite”, vendo alguns cardápios e adaptando ao da Marietta. Nossas tortas são individuais, de 270 gramas e muito bem recheadas, porque a arte tem de estar ali também. As xícaras recheadas de Ferrero Rocher, por exemplo, também são um trabalho de arte.  O Beirute também está entre as opções, sendo que é um sanduíche que não existe em Beirute, na capital do Líbano, nasceu aqui no Brasil e foi implantado pelos originais”, explicaram os empreendedores.

A decoração e mobília é inspirada nos cafés franceses. As peças do antiquário e diversas plantas dão leveza e encantam os visitantes. “Queremos estimular cultura, beleza e estética. Em um ambiente inóspito e seco, não se consegue comer bem. Queremos proporcionar aos nossos clientes um ambiente agradável para degustação das refeições”, pontuou.  

Oportunizando experiências

Tudo que se produz aqui é o mais próximo da arte. “Oferecemos, dentro de um preço justo, um alimento e café que respeite o bolso do cliente, principalmente porque a arte não deve ser estímulo para produtos ou espaços caros”, enalteceu Gobbi.

A ideia de certos drinks e cafés é de explorar os sentidos dos clientes. “Nós trabalhamos com harmonia, beleza, estética, sabor, cheiro, quando falamos de comida ela tem que ser inspiradora”, completou Marina.

Entre alguns itens para experienciar estão as sodas italianas e o frapuccino (cappuccino especial) da casa.  “Ofertamos o componente “faça você mesmo”, com as sodas refrescantes italianas em que o cliente mistura os elementos para ter o sabor. Ele recebe o componente da soda e água com gás separada. No frapuccino, que contém leite condensado, a pessoa decide se vai deliciar todas as camadas ou misturá-las. Então a nossa ideia é ajudar a construir a arte do alimento, construir este sabor é uma experiência”, destacam.  

Almoços executivos também são servidos no local diariamente. Além disso, Marietta é "pet friendly", ou seja, visitantes que optarem por levar seus animais na hora de tomar café, são muito bem-vindos. Há um espaço externo para garantir mais conforto.  

Agenda aberta para exposições

O foco é estimular os artistas e possibilitar que eles exponham suas obras, sem custos. A casa fornece o espaço e divulgação na imprensa e redes sociais.

Desde que inaugurou, na última semana de maio, duas exposições podem ser conferidas na Marietta. A primeira é uma exposição fotográfica, do artista Marcelo Gobbi, com o título “É melhor já ir se acostumando com a tortura”. A segunda é uma exposição de esculturas, de autoria da artista Helen Macedo, com o título “Seios”.

Como funciona: “De forma gratuita, o artista exibe suas peças ou exposições. Ele recebe um certificado da vernissage, para constar em seu portfólio. Além disso, somos apoiadores de suas vendas. A ideia é fomentar a arte”, pontuou Gobbi. Mais informações pelo telefone 991022616 (WhatsApp e telefone).

A Marietta está localizada na Rua Castro Alves - 1º de Maio, número 315, e atende de segunda a sábado das 10h às 18h30. Todos os atendimentos no local, respeitam o distanciamento e padrões de desinfecção dos órgãos de saúde.

Colaboração: Tânia Giusti / Comunicação Marietta Arte e Café

Leia mais sobre: