InternetData CenterAssinante

Bombeiros combatem incêndio em residência no Rio Maina; Vakinha foi criada para ajudar família

Um casal e quatro filhos pequenos moravam na casa
Bombeiros combatem incêndio em residência no Rio Maina; Vakinha foi criada para ajudar família
Foto: Ana Caroline Ferrari
Por Lucas Renan Domingos Em 09/07/2020 às 14:19 - Atualizado há 4 semanas

O Corpo de Bombeiros de Criciúma finalizou o combate ao incêndio que atingiu uma residência no bairro Rio Maina na tarde desta quinta-feira, dia 9. A casa, de construção mista e com aproximadamente 130 metros quadrados, teve toda a parte em madeira consumida pelas chamas. O porão também foi atingido. O fogo teria sido causado por uma criança que brincava com um isqueiro próximo de utensilíos da residência, mas uma perícia ainda deverá ser feita.

Quando os bombeiros chegaram as chamas já haviam se propagado pela casa e também atingia a caixaria de uma residência vizinha. A guarnição priorizou a proteção das edificações próximas e depois realizou o combate do fogo e rescaldo, utilizando mais de 8 mil litros de água. O incêndio também destruiu móveis e eletrodomésticos que estavam no interior da residência e no porão. Uma mulher e quatro crianças estavam no local quando as chamas iniciaram, mas conseguiram sair ilesas com a ajuda de vizinhos. 

Vakinha busca ajudar família

Logo após o incêndio, uma Vakinha foi montada na internet para ajudar a família. Na residência morava um casal e quatro filhos. A mulher está desempregada e o marido trabalha como motorista para sustentar a família. 

Até o momento, a Vakinha arrecadou o valor de R$ 1,8 mil. Interessados podem contribuir clicando aqui. A doação mínima é de R$ 25 e pode ser feita por cartão de crédito, boleto ou pagamento via Paypal.

A escola Padre Miguel Giacca, no bairro Rio Maina, também está colaborando na ajuda. A unidade de ensino funcionará como ponto de coleta de alimentos, roupas em bom estado e demais doações que possam auxiliar a família.