InternetData CenterAssinante

Via rápida estadualizada: os próximos passos do governo serão trazer melhorias ao trecho

Com 12,7 quilômetros de extensão e 17 viadutos, a rodovia inicia na região da Próspera
Via rápida estadualizada: os próximos passos do governo serão trazer melhorias ao trecho
Foto: Divulgação
Por Rafaela Custódio Em 12/11/2019 às 10:32

O governo de Santa Catarina publicou no Diário Oficial que a Via Rápida foi estadualizada. A rodovia que liga Criciúma e Içara à BR-101 foi inaugurada em dezembro de 2017. Com 12,7 quilômetros de extensão e 17 viadutos, a rodovia inicia na região da Próspera com dois acessos no perímetro urbano e segue por dez quilômetros até a BR-101, passando pelo município de Içara.

Segundo o superintendente do Departamento Estadual de Infraestrutura (Deinfra) da regional Sul, Gustavo Taufembach, a partir de agora a rodovia será cuidada pela estado. “Iniciaremos a roçada da vegetação em Içara nos próximos dias e também iremos intensificar as sinalizações no trecho, pois o fluxo de veículos se intensifica na temporada de verão”, pontua. 

Ainda de acordo com Taufembach, a iluminação da Via Rápida já está sendo tratada com a Celesc. “Já enviamos os projetos e eles estão analisando e esperamos que o edital para a empresa interessada em realizar o trabalho seja publicado em breve. Queremos que até o primeiro semestre de 2020 a iluminação esteja pronta”, explica. “A Via Rápida não possuía um dono e ninguém cuidava. Não era de nenhum órgão, mas agora é do estado e vamos trabalhar para trazer ainda mais melhorias”, acrescenta.

Taufembach relata que a Via Rápida não terá fiscalização eletrônica e a Polícia Militar Rodoviária (PMRv) de Içara fará o patrulhamento no trecho.