InternetData CenterAssinante

Piquenique no Museu ao Ar Livre é opção de lazer para feriadão em Orleans

Local é propício para conhecer o modo de vida dos colonizadores da região Sul do Estado
Piquenique no Museu ao Ar Livre é opção de lazer para feriadão em Orleans
Foto: Divulgação
Por Redação Engeplus Em 14/11/2019 às 13:17

Nesta sexta-feira, dia 15, é comemorada a Proclamação da República e por isso o dia é feriado nacional. Com a folga que antecipa o fim de semana, muitas famílias aproveitam o tempo para o lazer. Uma das opções de diversão para a região Sul de Santa Catarina é o Museu ao Ar Livre Princesa Isabel, em Orleans.

O Museu fica anexo ao Centro Universitário Barriga Verde (Unibave) e tem como diferencial ser ao ar livre e não em um ambiente fechado. Com um amplo espaço gramado e várias exposições, o museu é uma recomendação de programação familiar para qualquer tempo livre.

A diretora do Museu, Valdirene Böger Dorigon, explica o que o visitante pode encontrar no local. “O espaço expositivo que é constituído por unidades. Cada unidade apresenta alguma especificidade de trabalho ou modo de vida do período da colonização europeia da região Sul de Santa Catarina. Tem as indústrias familiares movidas a tração animal, como engenho de cana-de-açúcar e o de farinha de mandioca, ou pela força das rodas d’águas como serraria, marcenaria, atafona e ferraria. Tem a casa do colono, a capela, olaria, monjolo e a balsa, que o visitante pode fazer um passeio pelo lago”, detalha a diretora.

Além do museu, os visitantes também podem conhecer o acervo da Casa de Pedra, onde é possível encontrar “acervos indígenas e outros referentes a imigração e colonização. Entre eles destaca-se dois casacos que pertenceram ao Conde D’Eu, marido da Princesa Isabel”, conta Valdirene.

Para quem quer conhecer os detalhes da colonização europeia pode optar por uma visita guiada. Um funcionário conduz o grupo de turistas por cada unidade do Museu e explica como cada item fez parte da história dos imigrantes. Para o atendimento de visita guiada é necessário fazer o agendamento prévio.

Além disso, o visitante também pode aproveitar mais uma opção de serviço oferecida pelo Museu. “Conciliamos a visita guiada no Museu com as Esculturas do Paredão, outro atrativo da cidade de Orleans. Também é necessário fazer o agendamento dos grupos interessados na visita dos dois espaços”, destaca a diretora Valdirene.

Mesmo para quem já conhece o acervo do Museu ao Ar Livre, pode aproveitar o local para fazer um piquenique a aproveitar o ambiente à beira do lago e ao som dos passarinhos. Os visitantes podem levar suas toalhas e alimentos ou fazer a reserva antecipada de uma cesta de piquenique no próprio museu. Não é permitido o consumo de bebida alcoólica no local.

O museu recebe visitas de terça a sexta das 9h às 12h e das 13h30 às 18h. Nos sábados, domingos e feriados o horário é das 9h às 18h, lembrando que a entrada é até às 17h30. O ingresso custa R$ 6 e a meia-entrada R$ 3, que vale para grupos escolares, crianças com idade entre 7 e 12 anos, estudantes com carteirinha, professores e idosos acima de 60 anos, que devem apresentar documento comprobatório. Para as crianças menores de seis anos o acesso é gratuito. O tempo de permanência fica a critério do visitante e ele pode passar o dia no museu se quiser.

Colaboração: Comunicação e Marketing Unibave