InternetData CenterAssinante

Papai Noel dos Correios: cartas estarão disponíveis a partir de segunda-feira na agência central

Ação vai contemplar 250 crianças dos seis Cras de Criciúma
Papai Noel dos Correios: cartas estarão disponíveis a partir de segunda-feira na agência central
Foto: Divulgação
Por Redação Em 08/11/2019 às 22:26

"Eu fiquei muito feliz por ter ganho a minha bicicleta do Papai Noel no ano passado. Eu espero ganhar o que eu pedi esse ano de novo", disse o usuário do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) do bairro Cristo Redentor, Vinícius Martinhago, de 8 anos. Assim como ele, 250 crianças dos seis Cras de Criciúma estão aguardando pelo presente de natal que solicitaram. As cartas para apadrinhamento estarão disponíveis a partir desta segunda-feira, dia 11, na sede da agência central dos Correios, localizada na avenida Getúlio Vargas, 290.

Para a mãe de Vinícius, Vera Lúcia Varela, a ação foi muito significativa. "É sempre muito importante o momento em que as crianças recebem um presente de natal, pois as famílias não têm condições de comprar", comentou. Aqueles que desejarem apadrinhar uma criança poderão ler as cartas para ver quais se identificam com a sua condição financeira. "Eu ganhei uma bola de vôlei e pude brincar com os meus irmãos", contou Nevelin Antônio Consoni, de 11 anos. Neste ano, as entregas irão ocorrer entre 15 de novembro e 13 de dezembro e é uma parceria com a Secretaria de Assistência Social e Habitação.

"Proporcionar a realização de um sonho de uma criança é também fazer com que ela tenha uma expectativa melhor sobre a vida no futuro. As famílias que estão em situação de vulnerabilidade social têm sempre uma perspectiva ruim de que as coisas tendem a piorar. Quando pessoas anônimas comparecem no correio e recebem uma carta de quem não conhecem, significa algo muito maior e inimaginável, pois gera um adulto melhor resolvido e uma melhor perspectiva de cidadãos melhores", enfatizou o secretário de Assistência Social e Habitação, Paulo César Bitencourt.

Colaboração: Maria Henrique Leandro