InternetData CenterAssinante

Ligações irregulares de esgoto começam a ser notificadas em Criciúma

Multa para quem não se ligar na rede pode passar de R$ 20 mil
Ligações irregulares de esgoto começam a ser notificadas em Criciúma
Foto: Divulgação / Decom
Por Redação Engeplus Em 15/10/2019 às 12:14 - Atualizado há 3 semanas

As ligações irregulares de esgoto em Criciúma começaram a ser notificadas e os proprietários devem fazer a conexão na rede para evitar multas e até mesmo a interdição com lacre do sistema da residência. O prazo para regularização varia conforme a data da notificação e a multa aplicada pela Vigilância Sanitária de Criciúma pode passar de R$ 20 mil.

“Nós vistoriamos, notificamos e, se o problema não for resolvido, a multa varia entre R$ 1.860 e R$ 22.320, dependendo da gravidade da situação, além disso, em última instância, o imóvel pode ter seu sistema hidrossanitário lacrado, causando transtornos aos moradores”, explicou o fiscal sanitário do setor de Meio Ambiente da Vigilância Sanitária de Criciúma, Samuel Bucco. Ainda de acordo com o fiscal, “a ausência de ligação dos imóveis à rede de esgoto traz vários problemas, polui os corpos hídricos, contribui para a proliferação de doenças relacionadas a esse tema, além do mau cheiro”.

Até o momento já foram feitas 1.209 visitas, mas muitas delas não puderam ser concluídas pela ausência ou negativa dos moradores. “Entre as que podemos vistoriar, 69% apresentaram alguma irregularidade e devem resolver o problema. Das que não foram totalmente vistoriadas, 44% delas receberam um comunicado para reagendar, 36% não estavam conectadas a rede e 6% não autorizaram os técnicos para os testes no imóvel”, enfatizou fiscal da Vigilância Sanitária de Criciúma, Ramon Ugioni Borges.

O Programa Se Liga na Rede é uma parceria da Administração Municipal com a Companhia Catarinense de Águas e Saneamento (Casan). A previsão é realizar cinco mil vistorias nos bairros Centro, Comerciário, São Cristóvão, Pio Corrêa, Michel, Santa Bárbara, Operária Nova, Pinheirinho, Santa Augusta, Paraíso, Tereza Cristina e Universitário, onde o sistema de esgotamento sanitário está em funcionamento. Entre as irregularidades mais comuns, estão: imóvel parcialmente conectado à rede de esgoto, imóvel não conectado, ausência de caixa de gordura e caixa de gordura sem sifão.

Processo de Vistoria

Durante o processo de vistoria, é posto um líquido no vaso sanitário, analisando se chega até à caixa de inspeção, que faz a ligação até a rede coletora de esgoto. O procedimento também é feito nas pias de cozinha e nos telhados para verificar se existe caixas de gordura e se há drenagem pluvial.

Benefícios de Se Ligar na Rede

Os benefícios de se ligar na rede coletora se confirmam nos dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), que estipula que R$ 1 investido em saneamento básico equivale a economia de R$ 4 nos gastos com saúde.

Colaboração: Simone Costa / Prefeitura de Criciúma