InternetData CenterAssinante

Dia do Pais pode significar um aumento médio de 4% nas vendas do comércio

Praça Nereu Ramos esteve lotada neste Sábado Mais e recebeu consumidores de toda a região
Dia do Pais pode significar um aumento médio de 4% nas vendas do comércio
Foto: Thiago Hockmüller
Por Thiago Hockmüller Em 10/08/2019 às 16:09

Consumidores aproveitaram o Sábado Mais para comprar o presente do Dia dos Pais, comemorado neste domingo, dia 11. Em Criciúma, a Praça Nereu Ramos esteve cheia durante praticamente todo o dia. E o resultado das vendas neste contexto de Dias dos Pais pode ser um aumento de até 4% nas vendas do comércio. Essa expectativa é da Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL), que considera o número positivo diante de um cenário de recuperação econômica.

O balanço será divulgado na próxima semana pela Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas (FCDL). “Havia bastante gente na praça, com bastante atrações. Estamos em uma economia muito apertada, em um momento de recuperação. Isso é uma média, mas é um número bom. Ano passado foi difícil e temos a expectativa que a economia melhore”, explica a presidente da CDL de Criciúma, Andréia Salvalaggio.

De olho na liquidação

Após mirar o Dia dos Pais para faturar um pouco mais, agora os lojistas devem preparar para as próximas semanas um período de liquidação. Aliás, Andréia explica que as promoções no pós-Dias dos Pais são repetidas todos os anos e devem melhorar ainda mais os números para o mês de agosto.

Outra tendência é que parte dos consumidores retornem para comprar itens observados durante as buscas pelos presentes para os pais. “Se fui para comprar um presente, mas olhei algo que me agradou e deixei para depois, esse retorno acontece. Também já temos lojas em liquidação. Depois do Dia dos Pais acontecem promoções, já é histórico. Acreditamos em um bom mês de agosto”, planeja Andréia.

Para quem ainda não comprou o presente para o Dia dos Pais, ainda há tempo. Neste sábado o comércio em Criciúma fica aberto até as 17 horas.